Nikola Tre movido a hidrogênio receberá incentivos fiscais de mais de R$ 1,75 milhão nos Estados Unidos

Um dos caminhões que promete ser o mais ecologicamente correto produzido no planeta recebeu a autorização para emissão de subsídios na Califórnia, Estados Unidos, que podem totalizar R$ 1.757.653,60 (US$ 328 mil).

O anúncio foi feito pela montadora no final de dezembro, quando o modelo Nikola tre FCEV, movido a hidrogênio, foi certificado pela California Air Resources Board (CARB).

Com essa certificação, os interessados na aquisição do caminhão receberão subsídios que variam conforme o tamanho da frota, tamanho da compra e outros detalhes, além de uma grande isenção de impostos.

O menor incentivo será se US$ 240 mil. Se a empresa que adquirir o caminhão tiver uma grande frota, o valor do incentivo será de US$ 270 mil. Para empresas menores, com até dez caminhões, o incentivo chega a US$ 280 mil.

O caminhão também se enquadra para receber mais US$ 40 mil em isenção de impostos federais, por meio de uma lei do ar limpo, o que deve totalizar os US$ 328 mil.

De acordo com a imprensa norte-americana, esse é o maior valor já registrado para um veículo movido a um combustível alternativo.

Esse desconto também mostra que o caminhão será um dos mais caros vendidos nos Estados Unidos. O valor de US$ 240 mil é o preço médio de um caminhão top de linha zero quilômetro no país. Pode-se dizer que quem comprar um Nikola Tre FCEV receberá um caminhão a diesel como desconto.

O Tre começará a ser entregue para clientes até o final desse ano, com autonomia de 500 quilômetros e tempo de abastecimento inferior a 20 minutos. Além dos veículos, a Nikola trabalha na criação de postos de hidrogênio nas principais rotas dos Estados Unidos.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal