Motor diesel comemora 124 anos de sua invenção

por Blog do Caminhoneiro

Em 23 de fevereiro de 1893, o engenheiro alemão Rudolf Diesel recebe a patente para seu motor de autoignição. O motor a diesel se destaca ainda hoje pela economia de combustível.A história do motor a óleo diesel, que hoje impulsiona máquinas de todos os tipos, locomotivas, navios, caminhões e carros, começou no século 19. Seu inventor foi Rudolf Diesel, filho de pais alemães, nascido em Paris em 18 de março de 1858, e falecido em 30 de setembro de 1913, quando o seu navio cruzava o Canal da Mancha.

Suas pesquisas sobre motores de combustão interna o levaram a escrever, em 1893, o livro Teoria e construção de um motor térmico racional. Sua ideia era comprimir rapidamente o ar no motor e injetar combustível, de modo a provocar uma autoignição.

Diesel tinha a teoria, mas lhe faltava um motor para testar seus experimentos. Na busca por um patrocinador, a chance lhe foi dada pela firma MAN, de Augsburg, no sul da Alemanha. No começo de 1897, foi construído o primeiro motor a diesel do mundo. Sua peculiaridade, na época, era o alto grau de rendimento. Ele conseguia aproveitar para o movimento um quarto da energia do combustível. Hoje pode parecer pouco, mas na época era um recorde.

Problemas nos EUA

O motor a diesel passou a ser largamente utilizado na indústria de construção naval, automobilística e aeronáutica (na época, balões dirigíveis). Em 1900, Rudolf Diesel foi para os Estados Unidos, onde já gozava de grande prestígio. Mas seu sucesso durou pouco. Conflitos sobre registros de patentes, especulações financeiras malsucedidas e problemas psicológicos o levaram à beira da falência.

Diesel retornou à Europa para prosseguir com suas pesquisas. Morreu numa viagem à Inglaterra, onde pretendia expor às autoridades navais daquele país novas possibilidades para o uso de seu motor. A cabine do navio em que viajava chegou vazia na Inglaterra. Alguns dias depois, seu corpo foi encontrado boiando no Mar do Norte.

Os marinheiros que o acharam guardaram seus documentos e devolveram o corpo ao mar. Somente em terra é que viram tratar-se do famoso inventor alemão Rudolf Diesel.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

8 comentários

emanuel 24/02/2017 - 20:27

Mais a verdadeira intenção dele nao era que o diesel fosse derivado do petróleo, mais sim de varios recursos naturais por isso que ele acabou irritando os empresários do ramo do petróleo, e como sempre o dinheiro fala mais alto, o fim desse grande homem foi muito trágico.

Reply
Cristiano Soares 23/02/2017 - 19:02

So faltar inventar um combustível mais barato óleo diesel esta quaser o mesmo da gasolina

Reply
nilton 23/02/2017 - 18:24

mas seu rendimento termico e muito maior que a gasolina,,imagina um caminhao com 100 toneladas movido a gasolina ,,e um navio ….o preço do diesel ccomparado com seu rendimento termico e 5 ou vezes mais barato que a gasolina

Reply
Vandoir Fritzen 23/02/2017 - 15:17

Alemão

Reply
Ailton Alves 23/02/2017 - 14:49

Gianlucca Dalalana

Reply
Eduardo De Castro França 23/02/2017 - 13:27

Foi em 17 de fevereiro de 1897.

Reply
Blog do Caminhoneiro 23/02/2017 - 14:21

A patente foi recebida no dia 23/02/1827.

Reply
Mauro Rodrigues 23/02/2017 - 12:35

Marcos Caminhôes Amaral

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!