PACCAR obtém boas receitas e lucros no primeiro trimestre

por Blog do Caminhoneiro

“A PACCAR relatou boas receitas e lucro líquido no primeiro trimestre de 2017”, disse Ron Armstrong, CEO do Grupo. A PACCAR se beneficiou do aumento da produção de caminhões na América do Norte e na Europa, bem como do recorde de lucros trimestrais antes do pagamento de impostos da PACCAR Parts. “Estou muito orgulhoso de nossos 23.000 colaboradores que entregaram produtos e serviços líderes da indústria aos nossos clientes”, diz o CEO.

As receitas de vendas líquidas e serviços financeiros do primeiro trimestre de 2017 foram de US$4,24 bilhões em comparação com os US$4,30 bilhões no primeiro trimestre de 2016. A PACCAR obteve uma receita líquida de US$310,3 milhões (US$0,88 por ação diluída) no primeiro trimestre deste ano, em comparação com uma perda líquida de US$594,6 milhões (US$1,69 por ação diluída) no mesmo período do ano passado. A PACCAR obteve receita líquida ajustada (não GAAP) de US$348,0 milhões (0,99 por ação diluída) no primeiro trimestre de 2016, excluindo US$942,6 milhões de ajuste não recorrente, devido a um acordo com a Comissão Europeia (EC).

Ron Armstrong acrescentou, “o sólido balanço da PACCAR e o fluxo de caixa positivo, que tem atingido em média US$2,3 bilhões por ano nos últimos cinco anos, capacitaram a empresa a investir US$3,1 bilhões em novas instalações, produtos e serviços durante o mesmo período. Os novos veículos da Kenworth, Peterbilt e DAF, uma expansão na faixa de motores da PACCAR, programas pós-venda inovadores da PACCAR Parts, Sistemas Avançados de Assistência ao Condutor (ADAS), e aplicativos móveis da PACCAR Financial Services estão contribuindo para o crescimento da empresa em longo prazo”.

Destaques – primeiro trimestre de 2017

Destaques dos resultados financeiros da PACCAR durante o primeiro trimestre de 2017 incluem:

• Vendas líquidas e receitas consolidadas de US$4,24 bilhões.
• Receita líquida de US$310,3 milhões.
• Margem bruta de 14,1% em Caminhões, Peças e Outros.
• Receitas da PACCAR Parts de US$786,7 milhões e lucros recordes antes do pagamento de impostos de US$151,7 milhões.
• Caixa de US$610,5 milhões, gerado pelas operações.
• Despesas de pesquisa e desenvolvimento de US$61,0 milhões.
• Caixa e investimentos, no valor de US$2,89 bilhões.
• Patrimônio líquido de US$7,08 bilhões.

Mercados Globais de Caminhão

Os pedidos dos caminhões DAF acima de 16 toneladas aumentaram 12% no primeiro trimestre de 2017, em comparação com o mesmo período do ano passado. “Nossos clientes reconhecem a excelente qualidade, os baixos custos operacionais e o forte valor de revenda dos produtos da DAF”, disse Preston Feight, Presidente da DAF e Vice-Presidente da PACCAR. “Aumentamos nossa estimativa de registros na indústria de caminhões da Europa em 2017, para uma faixa de 270.000-300.000 veículos, no segmento de caminhões acima de 16 toneladas”.

Recentemente, a DAF introduziu seus novos caminhões XF e CF 2017 no CV Show em Birmingham, Inglaterra. Esses excelentes novos veículos incorporam aerodinâmica avançada, desempenho aprimorado do trem de força e materiais leves para oferecer aos clientes até 7% mais eficiência de combustível. Ferramentas dinâmicas de fluido computacional sofisticadas foram usadas para otimizar o novo desempenho aerodinâmico dos caminhões. Os motores PACCAR MX-13 e MX-11 têm maior eficiência de combustão, turboalimentação e sistemas de pós-tratamento, que estão integrados eletronicamente com a nova transmissão automática de 12 marchas, para otimizar o desempenho em baixas velocidades. O motor PACCAR MX-13 oferece novas potências nominais que fornecem até 530 HP e 1900 lb-ft d e torque.

Caminhão DAF XF modelo 2017

“Os pedidos da indústria de caminhões Classe 8 dos EUA e Canadá foram 40% maiores no primeiro trimestre de 2017, em comparação com o mesmo período do ano passado”, disse Darrin Siver, Vice-Presidente Sênior da PACCAR. O mercado de caminhões reflete a boa situação econômica e a demanda estável do frete. A Peterbilt e a Kenworth obtiveram 32% de participação nos pedidos da indústria de caminhões Classe 8 dos EUA e Canadá no primeiro trimestre deste ano.

Espera-se que as vendas no varejo da indústria de caminhões Classe 8 nos EUA e Canadá em 2017 fiquem na faixa de 190.000-220.000 veículos.

Peterbilt e Kenworth lançam caminhões vocacionais atualizados

Recentemente, a Kenworth e a Peterbilt introduziram os modelos vocacionais com eixo dianteiro avançado (SFFA). Os caminhões duráveis e confiáveis SFFA Kenworth T880S, e o Peterbilt Modelo 567 foram projetados para otimizar a distribuição de peso e maximizar a carga útil na construção, betoneiras e outras aplicações que dão suporte a investimentos em infraestrutura. O Kenworth T880S e o Peterbilt Modelo 567 contam com o motor PACCAR MX-13, com até 510 HP e 1850 lb-ft de torque, ou com o motor PACCAR MX-11 que fornece até 430 HP e 1650 lb-ft de torque.

“Kenworth e Peterbilt têm excelente histórico de liderança no segmento de caminhões vocacionais. O novo Kenworth T880S e o Peterbilt Modelo 567 aprimoram esse legado e oferecem aos clientes uma variedade de configurações projetadas para suas aplicações específicas”, disse Gary Moore, Vice-Presidente executivo da PACCAR.

Revendedores Peterbilt, Kenworth e DAF investem no crescimento global

Os revendedores Peterbilt, Kenworth e DAF investiram mais de US$1 bilhão e inauguraram quase 200 unidades nos últimos cinco anos para aprimorar o atendimento ao cliente na América do Norte e na Europa. “Os motores PACCAR MX aumentaram as oportunidades de negócios pós-venda para os revendedores PACCAR”, observou Harrie Schippers, Vice-Presidente Executivo e CFO da PACCAR. “A expansão da rede entrega serviços líderes da indústria, melhor disponibilidade de peças e excelente eficiência operacional para os clientes Peterbilt, Kenworth e DAF. Esses investimentos dão suporte ao crescimento de participação da PACCAR no mercado de caminhões e peças”.

PACCAR Parts obtém recorde de lucratividade

Os 17 centros de distribuição de peças da PACCAR dão suporte a mais de 2.100 locais de atendimento dos revendedores DAF, Kenworth e Peterbilt. A PACCAR Parts obteve receita trimestral recorde antes do pagamento de impostos de US$151,7 milhões no primeiro trimestre de 2017, que foi 13% superior aos US$134,6 milhões obtidos no mesmo período do ano passado. A PACCAR Parts gerou receitas de US$786,7 milhões no primeiro trimestre de 2017, 9% superior aos US$719,5 milhões relatados no mesmo período do ano passado.

“A PACCAR Parts obteve crescimento anual médio de vendas de 8% nos últimos 15 anos. Esse ótimo desempenho foi impulsionado pelos investimentos contínuos na PACCAR Parts e instalações de revendedores, expansão das linhas de produtos das marcas PACCAR e TRP, e um aumento no número de caminhões e motores PACCAR em operação”, disse David Danforth, Gerente Geral da PACCAR Parts e Vice-Presidente da PACCAR.

Empresas de Serviços Financeiros obtêm bons resultados

A PACCAR Financial Services (PFS) tem um portfólio de 178.000 caminhões, trailers, reboques e carretas com ativos totalizando US$12,27 bilhões. A PACCAR Leasing, uma grande empresa de leasing de caminhões de serviço completo na América do Norte e Europa, está incluída nesse segmento com uma frota de 37.000 veículos. A receita da PFS antes do desconto de impostos no primeiro trimestre de 2017, foi de US$57,3 milhões, em comparação com os US$80,3 milhões obtidos no primeiro trimestre de 2016. A PFS atingiu receitas de US$302,2 milhões no primeiro trimestre de 2017, em comparação com US$289,4 milhões em 2016. “O portfólio da PFS teve um bom desempenho durante o primeiro trimestre de 2017”, disse Bob Bengston, Vice-Presidente Sênior da PACCAR. “Os valores m ais baixos dos caminhões usados nos EUA e Canadá impactaram os resultados trimestrais da PFS. A demanda por caminhões usados está aumentando, e os preços estabilizaram”. O sólido balanço da PACCAR, complementado pelas suas classificações de crédito A+/A1, permitem que a PFS ofereça financiamento competitivo no varejo para os revendedores e clientes Kenworth, Peterbilt e DAF em 24 países de quatro continentes.

A PACCAR Financial Corp. (PFC) abriu recentemente um novo centro de remarketing de caminhões em Minooka, Illinois, próximo de Chicago. A nova instalação complementa os centros de remarketing de caminhões em Salt Lake City, Utah e Spartanburg, South Carolina. “Os caminhões usados Kenworth e Peterbilt são vendidos com ágio, em comparação com modelos similares da concorrência”, comentou Todd Hubbard, Presidente da PFC. “Nosso portfólio de caminhões Kenworth e Peterbilt refletem a popularidade do excelente leasing de caminhões e produtos financeiros da PFC”.

Investimentos de capital e pesquisa e desenvolvimento

Os excelentes lucros de longo prazo, sólido balanço, e intenso foco em qualidade, tecnologia e produtividade da PACCAR permitiram que a empresa investisse US$6,2 bilhões em instalações de classe mundial, produtos inovadores e novas tecnologias durante a última década. “Em 2017, as despesas de capital de US$375-US$425 milhões e despesas em pesquisa e desenvolvimento da ordem de US$250-US$280 milhões visam o desenvolvimento do trem de força e dos caminhões, aprimoramento das instalações de produção e programas de suporte pós-venda”, comentou George West, Vice-Presidente da PACCAR.

A Peterbilt Motors recentemente concluiu a construção de uma expansão de 9.476 m2 para sua instalação de produção de caminhões em Denton, no Texas. “O novo centro de teste e logística de última geração agilizará a entrega de veículos e melhorará a eficiência e a capacidade de produção”, disse Kyle Quinn, Gerente Geral da Peterbilt e Vice-Presidente Sênior da PACCAR. “A Peterbilt planeja instalar equipamentos robóticos para montagem de cabines para aumentar a capacidade de produção de seus caminhões líderes da indústria Modelo 579 e Modelo 567”.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!