Motoristas que acessam o Porto de Paranaguá fazem cadastro biométrico

por Blog do Caminhoneiro

Um procedimento que dura em média 20 segundos precisa ser feito por todos os motoristas que acessam o cais do Porto de Paranaguá. Trata-se do cadastramento biométrico executado pela Administração dos Portos de Paranaguá e Antonina (Appa). A medida tem o objetivo de acompanhar a modernização e o aperfeiçoamento dos procedimentos de segurança.

O diretor-presidente da Appa, Luiz Henrique Dividino, reforça a importância do cadastramento. “Esse trabalho faz parte de uma série de mudanças que estamos implementando, com os objetivos de modernizar o Porto e gerar mais segurança, conforme instruções nacionais e internacionais. O acesso ao cais já é totalmente automatizado, o que possibilita mais agilidade ao trabalho”, comentou.

Para efetivação dos novos cadastros e evitar que o acesso ao cais seja bloqueado, os motoristas precisam se dirigir ao Palácio Dom Pedro II, de segunda a sábado, das 7h às 19h. De acordo com informações do setor responsável, mais de 5 mil motoristas que acessam a área para importação e exportação devem ser recadastrados e passarão a entrar na área com o reconhecimento das digitais.

O diretor-presidente acrescenta que toda a equipe foi preparada para que o processo de recadastramento seja feito de forma rápida e eficiente. “A maior parte das pessoas que precisam acessar a área de importação e exportação é de caminhoneiros. Nos preparamos para que essa exigência não comprometa as atividades deles e o processo seja feito de forma rápida”, explicou Dividino.

Serviço aprovado

O caminhoneiro Márcio César dos Santos já fez o novo cadastro e disse que o procedimento foi mais ágil do que imaginava. “O processo foi bem tranquilo e rápido. É uma medida que vai trazer mais agilidade. Agora, para entrar [no cais], não vamos mais depender dos outros. Basta passar a digital e, se estiver registrada, entrar”, destacou. Ele lembrou ainda que a biometria contribui para que o local seja ainda mais seguro. “Mais segurança para o Porto e para a gente”, completou Márcio.

O motorista Rodrigo Ferreira Costa também aprovou o serviço. “O atendimento foi super rápido, foi ótimo. E com certeza isso melhora a segurança, porque esse sistema vai impedir que uma pessoa que não tenha cadastro entre aqui”, comentou.

Agilidade e segurança

Atualmente, veículos e pessoas que acessam o cais já precisam passar por credenciamento antecipado. O controle e a autorização para o acesso dos trabalhadores ocorrem por meio de crachá. Já os veículos são controlados por um sistema de reconhecimento das placas, cancelas por radiofrequência e circuito fechado de TV. Com a mudança, o acesso será exclusivamente biométrico, ou seja, com o reconhecimento das digitais.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!