As curiosas e divertidas histórias vividas pelos caminhoneiros




O sonho de todo mundo que roda por este Brasil inteiro é ganhar na loteria e ficar rico, é claro. Mas será que dá pra largar estas estradas e todas as suas aventuras? Por causa da greve, a categoria está mais evidente do que nunca, em horário nobre na TV, dominando o noticiário.

O Jornal Nacional contou várias histórias estes últimos dias, inclusive uma do repórter Marcos Losekann, correspondente internacional da Globo, que mostrou seu pai, Ary, caminhoneiro há várias décadas. O jornalista revelou que passou muitos anos na boleia do genitor, percorrendo o país. Deve ser por isso que tomou gosto e agora anda pelo mundo fazendo reportagem.

Há quem tenha histórias tristes, de perdas de amigos em acidentes, ou de assaltos sofridos, onde foi deixado no meio da estrada, sem roupa e sozinho. Mas tudo isso vira saudade e experiência, casos para contar numa mesa de bar com os amigos e familiares.

LEIA MAIS  ENTREVISTA - Como é ser caminhoneiro nos Estados Unidos?

Famosos já dirigiram caminhão, seja para programas de TV como Carga Pesada, o mais famoso de todos; ou profissionalmente, em alguma etapa de suas vidas. Os mais conhecidos são Elvis Presley, o rei do rock; Al Capone, antes de explorar a bebida ilegalmente, em Chicago; Sean Connery, o mais famoso 007 do cinema e Wando, cantor brasileiro.

É cilada, Bino!

A mais nova “descoberta” da internet, em relação aos caminhoneiros, inclusive, se refere ao seriado global, onde Pedro e Bino percorriam as BRs, Brasil a fora. O seriado teria previsto a greve – tal qual costuma acontecer com o desenho dos Simpsons – no episódio “Estrada.com.br”, que foi ao ar em 28 de maio de 2004.

LEIA MAIS  TESTE - O que você sabe sobre a Agrale?

No programa, os personagens bloqueiam as estradas reivindicando melhoria nas condições do asfalto e da segurança aos profissionais rodoviários. Mais uma coincidência engraçada que a série trouxe para os espectadores, no programa que melhor mostrou a realidade desta profissão.

 

 

 

 

 




Deixe sua opinião sobre o assunto!