Mercedes-Benz apresenta soluções para redução de consumo em ônibus rodoviários




Visando assegurar redução no consumo de combustível para as empresas de transporte rodoviário de passageiros, a Mercedes-Benz lança um pacote de soluções para redução de combustível – “Fuel Efficiency” – para os seus chassis O 500 RS, RSD e RSDD. Como decorrência, já estão disponíveis para os clientes novidades como: nova parametrização do câmbio automatizado Mercedes PowerShift GO 240, compressor de ar do motor com otimização de energia, gerenciamento eletrônico do ventilador do radiador, aumento de torque para o motor OM 457 LA de 360 cv e sistema de desligamento automático do motor.

“O custo do combustível é um dos itens mais importantes na gestão de uma frota. Por isso, não paramos de desenvolver novas soluções para atender às necessidades dos clientes quanto à redução do consumo”, afirma Walter Barbosa, diretor de Vendas e Marketing de Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil. “O Pacote Fuel Efficiency é a mais nova demonstração desse compromisso. Conforme o modelo e os itens escolhidos pelo cliente, além das condições de operação e dirigibilidade do veículo, pode-se chegar a uma redução entre 2% e 8% no consumo de combustível, em comparação com atuais versões dos chassis O 500”.

Segundo o executivo, com o Pacote “Fuel Efficiency”, o cliente ganha no curto e no longo prazo. “Com o menor consumo, as novidades tecnológicas proporcionam redução do custo operacional e uma melhora do TCO, que é o custo operacional total do veículo ao longo de sua vida útil”, afirma Walter Barbosa. “Isso resulta numa ótima relação custo/benefício e em maior rentabilidade para as empresas de transporte de passageiros”.

O Pacote “Fuel Efficiency” reforça o posicionamento da linha de ônibus da Mercedes-Benz como a mais tecnológica do País, destacando-se por 21 avançados itens que garantem um elevado padrão de desempenho, economia, conforto e segurança no transporte de passageiros.

“A oferta de equipamentos e sistemas avançados amplia ainda mais o leque de possibilidades para que os clientes configurem os seus ônibus de acordo com suas demandas, tipo de operação e condições de topografia onde irão atuar. Dessa forma, além de menor custo operacional, poderão desfrutar de muito mais benefícios em termos segurança ativa e passiva”, ressalta Walter Barbosa.

LEIA MAIS  Concessionária de Ribeirão Preto renova frota da Ribe Transporte

Nova parametrização da caixa automatizada Mercedes PowerShift

Item de série para o chassi O 500 RSDD 8×2 e opcional para O 500 RS 4×2  e O 500 RSD 6×2, a caixa automatizada Mercedes PowerShift GO 240, de 8 marchas, ganhou um novo programa de troca de marchas. A otimização do software resultou em trocas de marcha mais rápidas, com mais agilidade nas saídas e retomadas e com maiores velocidades de cruzeiro a baixas rotações.

Além da redução no consumo de combustível, a nova parametrização traz benefícios como maior conforto de dirigibilidade para o motorista e maior robustez e confiabilidade do câmbio automatizado Mercedes PowerShift.

Compressor de ar do motor com otimização de energia

Novidade para os chassis O 500 RS, RSD e RSDD, a Mercedes-Benz desenvolveu uma otimização da energia do compressor de ar do motor. O conceito baseia-se na redução da carga no motor quando o sistema de ar está totalmente carregado.

Nessa situação, há então reduções da temperatura de trabalho e do nível de ruído. Consequentemente, há uma diminuição no consumo de combustível, além de assegurar maior vida útil do compressor.

Novo gerenciamento eletrônico do ventilador do radiador

Essa tecnologia também é uma novidade para os chassis O 500 RS, RSD e RSDD. O novo gerenciamento eletrônico do ventilador do radiador, chamado de Visctronic, assegura um controle mais preciso do sistema de arrefecimento do motor. Além disso, otimiza o controle de velocidade do ventilador e assegura menor ruído causado por esse componente.

Visctronic reduz o consumo de combustível, além de proporcionar maior vida útil das correias. O sistema oferece ainda maior simplicidade em relação aos concorrentes, facilitando a manutenção.

Mais torque para o motor OM 457 LA de 360 cv

O motor OM 457 LA de 360 cv do chassi O 500 RS 1836 e do O 500 RSD 2436 também traz novidade dentro do conceito do Pacote “Fuel Efficiency”. O grande destaque é o aumento de torque de 1.600 Nm para 1.850 Nm a 1.100 rpm. Isso resulta em velocidades de cruzeiro (80 km/h ou 90 km/h) com rotações mais baixas.

LEIA MAIS  Nova versão do Actros será apresentada no IAA

O maior torque ganha nova combinação com a caixa de câmbio com over drive e redução do eixo traseiro. Essa solução tecnológica proporciona a redução no consumo de combustível.

Sistema de desligamento automático do motor

Toda a linha de chassis rodoviários da Mercedes-Benz passou a ser equipada com EIS (Engine Idle Shutdown), inovador sistema de desligamento automático do motor para o segmento de ônibus.

Se o ônibus está parado, porém com motor ligado, câmbio no ponto morto e freio de mão acionado, numa situação que perdure por um longo período – por exemplo, 4 minutos – sem que o motorista acelere o veículo ou acione o freio de serviço, o sistema entra em ação e automaticamente desliga o motor.

Esta é uma situação bastante comum em garagens, rodoviárias, terminais urbanos e pontos de parada. Nessas circunstâncias, o EIS entra em ação, proporcionando economia no consumo de combustível, além de reduzir as emissões de poluentes e de ruídos. Esta solução acaba por contribuir para a conscientização do motorista quanto à necessidade de se desligar o motor se o veículo ficar parado por um tempo prolongado.

Novidade – câmbio Mercedes-Benz GO 190 para o O 500 R

O chassi O 500 R, indicado para curtas distâncias rodoviárias e operações de fretamento regular ou eventual, passa a ser equipado com o câmbio Mercedes-Benz GO 190 de 6 marchas.

O grande destaque do câmbio GO 190 é a alavanca de acionamento de marchas do tipo joystick com sistema servo-assistido, que oferece um notável conforto e facilidade de acionamento, proporcionando assim maior satisfação e menor esforço para o motorista. Os passageiros também ganham mais conforto a bordo, devido à diminuição dos solavancos típicos dos câmbios acionados por cabo.




Deixe sua opinião sobre o assunto!