Case IH lança série especial da colhedora de cana A8810 Single Row




A Case IH apresentou em evento em sua fábrica de Piracicaba, em São Paulo, a série especial e limitada da colhedora de cana A8810 Single Row. A máquina, considerada a melhor do mercado hoje, recebeu o nome de John Pearce Signature, nome do australiano que trouxe a tecnologia Austoft, que está nas colhedoras de cana até hoje.

John Pearce é um nome muito conhecido no setor canavieiro do Brasil. Ele foi decisivo no processo e desenvolvimento da mecanização da colheita de cana no Brasil, tendo trabalhado durante anos como consultor da Case IH.

“O desenvolvimento do setor sucroenergético no Brasil está ligado ao John Pearce. São inúmeras suas contribuições para esta cultura. Por isso, essa homenagem se faz necessária”, afirma Christian Gonzalez, vice-presidente da Case IH para a América do Sul.

John veio ao Brasil em 1977, representando a Austoft, empresa australiana que foi pioneira no desenvolvimento das colhedoras de cana. A empresa foi adquirida em 1997 pela Case IH.

Com uma grande disposição para desenvolver o setor canavieiro, levou muitos produtores brasileiros para conhecer os canaviais australianos e fazia demonstrações das máquinas nas usinas brasileiras, na certeza do sucesso do equipamento. Além disso, conduziu diversos trabalhos de pesquisa e consultoria em motomecanização no Brasil.

John deixou um legado enorme. “Ele foi um grande professor, ensinando todas as etapas que envolvem o ciclo da cana, desde os tratos do solo, passando pelo plantio e chegando à colheita mecanizada”, diz Diogo Melnick, gerente de Marketing Comercial da Case IH.

O grande diferencial da máquina que homenageia John Pearce é a cor. Diferente dos produtos Case IH convencionais, que são vermelhos, a nova colhedora A8810 Single Row é preta. A série A8010 recebeu mais de 100 melhorias nos últimos anos, e é o produto que mais tem patentes registradas no Brasil no setor automotivo. A máquina tem versão para colheita de uma linha e para espaçamento duplo alternado (A8810DA).

As colhedoras de cana-de-açúcar são produzidas na fábrica da Case IH de Piracicaba (SP). A planta é o centro mundial da marca para desenvolvimento de soluções para colheita de cana. No local foram fabricadas 7.500 colhedoras, um recorde para o setor.

“Além da parte de produtos, nos últimos cinco anos a empresa treinou cerca de 20 mil pessoas para operar as máquinas no país para que o cliente consiga extrair a máxima eficiência dos equipamentos”, conta Roberto Biasotto, gerente de Marketing de Produto da Case IH.