Caminhoneiro dos Estados Unidos se emociona ao reencontrar seu companheiro de viagens

por Blog do Caminhoneiro

A vida na estrada é muito solitária, e, para os caminhoneiros de qualquer lugar do mundo, qualquer companhia na boleia é bem-vinda. Por isso, foi desesperador para Matthew B., um motorista de caminhão do Texas, nos Estados Unidos, descobrir que seu gato de estimação e companheiro de viagem havia sumido.

O gato foi adotado por Matthew ainda filhote e viajava com o caminhoneiro por todo o país há mais de três anos. Em uma parada para descanso, na cidade de Springfield, no estado de Ohio, o felino saiu da cabine e acabou se perdendo.

Matthew procurou bastante por ele, mas não encontrou, e como precisava entregar a carga, teve que seguir viagem. Ele até voltou à mesma parada de caminhões algumas vezes, mas, por dois meses, não teve nenhuma informação do gatinho.

Ashes, como o gato é chamado, foi encontrado por uma mulher em uma noite, estava muito magro, e foi levado a um abrigo de animais.

Quando chegou ao abrigo, os veterinários usaram um sistema de leitura de microchips, que são colocados em alguns pets, e por sorte, Ashes tinha o chip, com informações precisas de onde o dono morava.

Com as informações, os veterinários entraram em contato com Matthew, que estava a mais de 2.200 km de distância. Ele levou mais de uma semana para conseguir ir até o abrigo e recuperar seu gato.

O caminhoneiro disse que reencontrar seu gato depois de tanto tempo foi “um milagre de Natal”. Quando viu seu gato pela primeira vez em mais de dois meses, o caminhoneiro desabou em choro de emoção.

Agora, o felino vai voltar para a estrada com Matthew.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

3 comentários

José Paulino silva 11/12/2019 - 09:30

A minha esposa detestava animais ,aí tivemos um pet por 10 anos ,o Billy amava ela ,ficava o tempo todo no encalço dela ,depois que ele morreu ,adoramos o BOB ,pessoal ele ama a minha esposa ,ela aprendeu com os dois o quanto estes caras são fiéis ,amigos é protetores .imagino a felicidade deste homem .Eu amo animais .

Reply
Ezequiel Neto 11/12/2019 - 11:55

Zé Paulino, bacana a sua história. Nossos animais de estimação têm vida tão curta e, ainda assim, passam a maior parte do tempo esperando que voltemos para casa todos os dias. É impressionante quanto amor e alegria eles trazem para nossas vidas. Se algum dia quisermos desabafar com alguém, desabafemos com nossos animais de estimação pois eles são capazes de nos entender entender e ficar quietos. Já uma pessoa, nos escuta e muitas vezes nos confunde e prejulga, enquanto os animais nos confortam. Parabéns Zé Paulino, por também amar os animais. Um abraço desde Brasília-DF.

Reply
Ezequiel Neto 10/12/2019 - 15:31

Emocionantes essas histórias. Enquanto criaturas espírito de porco matam e agridem animais indefesos, outras a eles se apegam numa amizade recíproca melhor do que com muitos humanos. Os bichos não tem malícia, não são falsos, não cometem deslealdade, não mentem nem maltratam quem os protege e acolhe. A compaixão para com os animais é das mais nobres virtudes da natureza humana. Que esse gatinho continue dando alegria e felicidade ao seu dono.

Reply

Escreva um comentário