Allison equipa 49 caminhões de lixo Mercedes-Benz que foram adquiridos pela Prefeitura de Goiânia

por Blog do Caminhoneiro

Pela primeira vez a Comurg passa a utilizar os caminhões Mercedes-Benz Atego 1729 com transmissões totalmente automáticas Allison para a coleta de resíduos na capital do estado. A Comurg é uma empresa de economia mista, com capital majoritário da Prefeitura de Goiânia.

“Há dois anos venho fazendo pesquisas com outras empresas que estavam operando caminhões automáticos para a coleta de lixo no Brasil”, explica Luiz Carlos Cascão, da Diretoria de Transportes da Comurg. “Como resultado, acabamos escolhendo caminhões automáticos para esse tipo de aplicação, que já estão se tornando uma tendência entre as empresas de coleta de resíduos em todo o País. Esta será a primeira vez que teremos esse tipo de transmissão nos nossos caminhões”.

A compra de caminhões automatizados seria uma das opções de Cascão, mas como sua base de custos de manutenção apontava uma despesa significativamente alta para a substituição do sistema de embreagem dos caminhões percebeu que não tinha escolha. “Na nossa frota atual, o sistema de embreagem representa nosso maior gasto” afirma Cascão. “Os caminhões com câmbio manual precisam trocar a embreagem entre cinco mil e oito mil quilômetros rodados, já que o serviço de coleta de lixo é extremamente desgastante para os veículos”.

Os novos caminhões, que foram vendidos pela Tecar Diesel, concessionária Mercedes-Benz para a região, ainda estão em processo de encarroçamento e personalização. Eles devem entrar em operação no decorrer do mês de julho.

“Apesar de ainda não termos os caminhões em atividade, em uma primeira impressão com o Atego 1729 nós ficamos muito satisfeitos. Além disso, o pessoal da DCCO — representante Allison em Goiânia — esteve aqui com a gente nos dando suporte técnico e esclarecendo as nossas dúvidas, acho que teremos uma boa experiência com as transmissões automáticas”, conclui Cascão.

A Série 3000™ da Allison Transmission foi concebida para equipar veículos comerciais médios. Projetada para operar com a máxima eficiência em uma ampla variedade de aplicações — betoneiras, bombeiros, distribuição, basculantes, transporte de valores, entre outros — esta série está disponível com relações de marchas curtas ou longas e pode contar com até sete velocidades. A Tomada de Força (PTO – power take off), que é acionada pelo motor, assim como o retardador de saída integral estão disponíveis como opcionais. O retardador proporciona maior frenagem ao veículo e reduz o desgaste do freio. Sua operação é gerenciada pelos controles eletrônicos avançados da 5ª geração da Allison, que também têm recursos de prognóstico.

“A escolha das Allison automáticas para determinados tipos de serviço pesado, como o de coleta de resíduos públicos, se consolida cada vez mais no Brasil. A preferência demonstrada por frotistas particulares e empresas públicas, como a Comurg, só reforça a qualidade do nosso produto. As análises dos administradores de frotas são baseadas, principalmente, na eficiência dos custos de manutenção e na produtividade dos seus veículos, e nesse quesito nossas transmissões são imbatíveis”, diz Evaldo Oliveira, diretor de operações da Allison Transmission para a América do Sul.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário