Transportadora dos Estados Unidos descobre a receita do sucesso com os caminhoneiros

por Blog do Caminhoneiro

94% dos caminhoneiros dos Estados Unidos, em rotas de longas distâncias, trocam de emprego pelo menos uma vez por ano. Isso se deve à imensa oferta de vagas no setor, e causa um problema gigantesco para as transportadoras. Algumas tem taxas de rotatividade de motoristas superiores a 100%.

Por que isso acontece? De acordo com uma empresa novata no setor de transportes norte-americano, além da oferta de vagas, existe também o fato de que as transportadoras tratam os caminhoneiros como um recurso dispensável, com pagamentos inconsistentes, sem suporte, sem folgas e sem respeito com os profissionais.

A empresa foi criada pela gigante US Xpress, chama-se Variant, e promete revolucionar a vida do caminhoneiro dos Estados Unidos. O nascimento da empresa ocorreu no final de 2019, com apenas 5 caminhões. Em menos de um ano, a frota cresceu para mais de 500 caminhões, com 500 motoristas contratados.

Além do salário base, a empresa oferece aos caminhoneiros ganhos por milhas. Se rodarem até 2.500 milhas por semana (4 mil quilômetros), recebem um tipo de bonificação, acima disso, a bonificação aumenta. Muitas empresas só pagam esses bônus para caminhoneiros que consigam rodar mais de 3.000 milhas por semana. Além dos bônus, o salário é 10% maior que a média nacional, com os motoristas recebendo cerca de US$ 1.100 por semana trabalhada.

Os caminhoneiros também tem suas rotas programadas para poderem estar em casa nos dias corretos. Isso se deve à um forte sistema de apoio logístico no trabalho dos motoristas, que tem cada rota programada para conseguirem trabalhar o máximo possível, ganhando o máximo possível, e ficando em casa o máximo possível.

A empresa também conta com um sistema completo de suporte para os caminhoneiros, com uma equipe voltada para atender os motoristas em todas as questões que eles precisam.

E a cereja do bolo para os caminhoneiros é a frota. A Variant tem somente caminhões Freightliner Cascadia 2021 em sua frota, considerado um dos melhores e mais confortáveis caminhões dos Estados Unidos.

Com isso, a empresa conseguiu manter, desde sua abertura, 95% dos motoristas trabalhando. Eles podem até procurar, mas não vão encontrar nenhuma empresa melhor que a Variant para trabalhar.

Com o rápido crescimento, a empresa se mantém contratando motoristas de caminhão dos Estados Unidos sem parar, e a frota não para de aumentar.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

12 comentários
4

Artigos relacionados

12 comentários

Gezualdo Muniz Patrício 16/08/2020 - 10:28

Meu sonho de consumo uma empresa dessa . aqui no Brasil nem tanto os impostos porque o frete das transportadoras em maioria é frete milionário o poblema que o rico empresário são ganância e acostumaram aproveitar do motorista…
Tem mete no pau mesmo !

Reply
Gelson 14/08/2020 - 19:58

how to apply for EB3?
If so, how do I find out?
Thank you

Teria como aplicar para o EB3?
Se sim, como me informo?
Obrigado.

Reply
Marco A. Camarini 14/08/2020 - 17:04

O amigo Luciano aí em cima coloca um texto defendendo o patronato no entanto o amigo Luciano não faz nenhuma menção de algum patrão que tenha preocupação com seus contratados como por exemplo cumprimento de carga horária, respeito as necessidades do motorista como folga programada, respeito aos direitos trabalhistas dos funcionários, equipamento de trabalho em condições ouvir o motorista quanto as dificuldades e riscos quanto a certos trechos e escalas sovinas …. mas do patronato o amigo Luciano não esqueceu quando foi que um ” empresário ” reverteu algum lucro em beneficio ao ao seus motoristas, essa conversa de folha de pagamento pesada até faz sentido resta acreditar que em se deixando de tributar esse ” empresário ” investiria em melhor condição a seus motoristas ou vai enfiar no bolso os valores economizados para comprar seus carros de luxo e imóveis na praia, campo ou condomínio fechado desculpe amigo Luciano o SR VIAJA NA MAIONESE

Reply
380216 14/08/2020 - 15:46

Aceito participar desse grupo, estou pronto pra ir!
O que devo fazer?

Reply
WENDEL CERUTTI DA SILVA 14/08/2020 - 12:30

Pena que aqui no BR a regra é jogar o salário lá em baixo .

Reply
Wilsimar matos 14/08/2020 - 12:30

Quero trabalha United status,Américas, o que vou precisa

Reply
Luciano 14/08/2020 - 05:13

A resposta é simples… Não temos empresas assim no Brasil devido aos altos impostos sobre os pagamentos e principalmente a JUSTIÇA DO TRABALHO que amordaça as empresas a terem criatividade e liberdade de negociar estratégias como essa diretamente com seus funcionários. Se colocarmos tudo no holerite a empresa é o empregado é assaltado pelos impostos da folha de pagamento, se paga por fora o funcionário “põe no pau” é a justiça do trabalho f*** a empresa. Tudo isso estaria resolvido se existisse “fio de bigode” na relação entre o patrão é o empregado” mais o empregado quando sai da empresa esquece os acordos que fez com o patrão e vai para justiça.

Reply
Simone de Oliveira Gomes 14/08/2020 - 04:19

Eita, enquanto nosso salário mensal aqui nem sempre chega a 5.000reais lá eles ganham mais de 5.000 reais por semana, meu sonho trabalhar em uma empresa dessass. Kkkk

Reply
Fabrício 14/08/2020 - 10:45

Teu comentário esta errado pois lá se ganha em dólar e não existe essa conversão que você fez . na teoria seria o salário igual . mais nosso real é desvalorizado perante o dólar

Reply
Sérgio 13/08/2020 - 22:36

O Brasil e suas empresas de transporte rodoviário tem que seguir esses exemplos de remuneração e logísticas dignas e de reconhecimento com seus motoristas profissionais que se dedicam se tanto em nossas estradas muitas delas ruins e sem pontos de apoio para descanso, infarestrutura e pernoites.

Reply
Semir 13/08/2020 - 20:27

Até eu vou querer ser contratado por uma presa assim ,com o currículo que tenho facin,facin

Reply
Miguel G. Requena 13/08/2020 - 18:12

É de empresas assim que precisamos no mundo,buscando excelência em seu transporte, e pensando no conforto de seus funcionários, sempre será o caminho, motorista contente patrão sorridente…

Reply

Escreva um comentário