Salários de US$ 90 mil por ano não são suficientes para os motoristas de caminhão nos Estados Unidos

por Blog do Caminhoneiro

A empresa Schneider National está pagando um salário anual que chega aos US$ 90 mil para seus caminhoneiros nos Estados Unidos. O valor foi atingido com o aumento do pagamento das bonificações por milhas rodadas. A empresa é a quinta maior transportadora dos Estados Unidos.

A empresa usa um sistema de dois motoristas, que, enquanto um descansa, outro dirige, mantendo o caminhão praticamente 24 horas por dia em movimento.

Para atrair os motoristas para esse tipo de operação, a empresa oferece um bônus inicial de US$ 5 mil para seu motoristas que trabalham sozinhos. Motoristas novos que entrem diretamente para a operação em duplas podem receber bônus de até US$ 10 mil.

Mas…

Mesmo com os altos salários, um dos maiores do país, a empresa não tem conseguido encontrar candidatos às vagas. O momento é mais delicado por conta do aumento das vendas do e-commerce no final do ano, com a aproximação da Black Friday e do Natal.

Além da Schneider National, outras dezenas de empresas tem adotado práticas semelhantes, o que faz com que os motoristas fiquem trocando de empresa, à medida que salários melhores são oferecidos.

Essa rotatividade tem sido um dos piores problemas, junto com a saída de milhares de caminhoneiros do setor. Todos os anos, muitos motoristas se aposentam e deixam as estradas, e não são substituídos por novatos, já que a profissão não é considerada interessante pelos jovens.

Apesar dos altos salários, se comparado com a realidade brasileira, para os norte-americanos, o valor é mais baixo que o oferecido por outras profissões, além das dificuldades impostas pelas estradas, como tempo fora de casa, falta de estrutura para os motoristas e excesso de regulamentações para os caminhoneiros.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

3 comentários

Edenilson de oliveira 23/10/2020 - 07:28

Sou cidadão europaeu e brasileiro sou motorista nós dois países tenho toda documentação e Só meanda convite que tô aí pronto pra trabalhar

Reply
Ezequiel Neto 22/10/2020 - 09:18

Esse salário de 90 mil dólares por ano é uma vergonha tendo em vista o altíssimo custo de vida nos Estados Unidos onde o aluguel de uma kitnet de 4 cômodos apertados nos subúrbios não custa menos de 1.500 dolares mensais, mais os impostos, água, luz. Um quilo de carne de segunda custa 40 reais e lá não existem Feiras Livres onde os preços são mais em conta; o cidadão compra nos grandes Supermercados, até porque se cair nos pequenos os preços dobram. Trabalhar fora do Brasil é ilusão, é tiro no pé, é sonho macabro. Alguns poucos deram sorte, mas decididamente, não compensa.

Reply
silas raniel 21/10/2020 - 15:54

boa tarde ae eu tivesse uma chance de trabalhar como motorista de caminhão nos USA n pensaria duas vezes,pois trabalho a cinco anos aki no brasil e n somos valorizados .!!

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!