Scania inicia testes com caminhões sem motoristas em rodovias da Suécia

por Blog do Caminhoneiro

A Agência de Transporte da Suécia autorizou recentemente a Scania a testar caminhões autônomos na rodovia E4, entre as cidades de Södertälje e Jönköping, em um trajeto de quase 300 quilômetros. A Scania está trabalhando em parceria com a empresa TuSimple, que é uma das líderes no desenvolvimento de caminhões autônomos atualmente.

Os caminhões serão usados pelo Laboratório de Transporte da Scania, e transportarão cargas convencionais, que a Scania usa em suas linhas de produção.

A tecnologia empregada nesses veículos é de nível 4, numa escala que vai até 5. Isso quer dizer que os veículos podem funcionar de forma completamente autônoma, mas tem um motorista por razões de segurança. Veículos de nível 5 não precisam de nenhuma intervenção humana para funcionarem. E o caso do Scania AXL, voltado para mineração, que não tem nem cabine para o motorista.

Nos caminhões usados na rodovia, além do motorista de segurança, estará um engenheiro para avaliar os testes, monitorando e verificando todas as informações do veículo obtidas pelos sensores que possibilitam a direção de forma autônoma.

“Tanto nos Estados Unidos quanto na China, já estão em andamento testes de caminhões autônomos de nível 4 em vias públicas, mas, pelo que sei, a Scania é a primeira na Europa a testar a tecnologia em uma rodovia e com carga real”, diz Hans Nordin, que é responsável pelo projeto Hub2hub.

Durante este ano, com o andamento dos testes, a Scania planeja ampliar as rotas para verificar a viabilidade em larga escala da tecnologia.

O projeto Hub2hub consiste no transporte de cargas entre centro de distribuição, usando a rodovia para deslocamento do veículo. Esse tipo de operação é a mais viável para uso de caminhões autônomos em um futuro próximo.

“Avançamos tanto no desenvolvimento de veículos autônomos que a tecnologia pode estar pronta para ser introduzida no mercado já nos próximos cinco anos para esse tipo de transporte. No entanto, levará mais tempo para que os veículos autônomos para uso em estradas com tráfego de mão dupla e em ambientes urbanos se tornem uma realidade”, conclui Nordin.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

5 comentários

Jean Lucio dos Santos Batista 04/02/2021 - 22:28

Acabaram os problemas das empresas 👏👏

ANGELO 04/02/2021 - 09:45

Eu venho dizendo faz tempo, motorista é uma profissão a beira da extinção. Acordem pq essa mudança será bem rápido. Na China já tem mais de 5000 caminhões autônomos rodando de uma empresa. Sem futuro essa profissão, vai acabar como várias outras já acabaram. É pensar a longo prazo e pensar em aposentadoria. Ops, nem para aposentar da mais com essa reforma.

Cusao de tripa 04/02/2021 - 08:49

Não sei onde estas pessoas querem chegar. Se estão trocando humanos por máquinas ,onde os humanos vão arranjar dinheiro pra comprar, e poder existir frete para os caminhões autônomos entregarem! Se não tem emprego pois um robô tirou , como vai ter comércio.

James 04/02/2021 - 08:16

É o sonho das transportadoras, assim elas eliminam o maior problema delas, nós motoristas. Já que aqui no Brasil elas se recusam a pagar um salário digno e por conta disso nunca conseguem estabelecer uma boa equipe. Porém isso ainda vai demorar um pouco por estarmos num país de terceiro mundo como dizem os europeus.

Marcelo 03/02/2021 - 20:54

Ninguém pensa que sensores podem dar defeitos

Comments are closed.

%d blogueiros gostam disto: