Scania lança novo programa de manutenção Premium Flexível Uptime

A Scania anunciou nesta semana a criação do novo Programa de Manutenção Scania Premium Flexível Uptime, sendo o mais completo da marca no país. Além do que já era oferecido, o novo plano de manutenção passa a contar com a Control Tower, que promete reduzir em até 30% o tempo de parada nas concessionárias, e a modalidade Pay per Use com cobertura customizável (pague o que usar), que são criações inéditas da Scania para o mercado Brasileiro.

Os clientes que já utilizam planos de manutenção Premium Flexível serão migrados para o novo plano, com a Control Tower, sem custo adicional.

“A equipe brasileira prova de novo sua competência e visão de futuro dentro da Scania, após a inovação com a manutenção flexível cobrada pela faixa de economia de diesel. Queremos sempre antecipar tendências e trazer o que o cliente vai precisar para manter sua logística rentável. Desta vez, o divisor de águas foi aumentar como nunca a disponibilidade da frota”, afirma Marcelo Montanha, diretor de Serviços da Scania no Brasil.

De acordo com o diretor, o novo plano garante 30% menos de tempo nas oficinas, com mais tempo de disponibilidade do veículo para rodar faturando.

“Isso significa que, além de reduzir os custos, apoiará o aumento da receita da operação do transportador. A conectividade e a evolução das soluções de serviços que temos disponibilizado desde 2017, continua sendo a base de tudo”, disse Montanha.

O Programa de Manutenção Scania Premium Flexível Uptime mantém todas as vantagens do pioneiro PMS Premium Flexível, e da conectividade pelo pacote Desempenho (o mais completo) com a avaliação do motorista em tempo real. O PMS Premium Flexível foi lançado na Fenatran de 2019, prometendo uma redução de custos de até 25% no total da manutenção.

Esse plano contempla as manutenções preventivas e as corretivas de forma individualizada e personalizada e que infuencia também diretamente na disponibilidade pois há menos paradas para manutenções. Há contratos de adesão de três, quatro ou cinco anos.

Uma das grandes vantagens desse plano é que o cliente só pago pelo que rodar com o veículo. Se o caminhão estiver parado, ele não paga. O valor também é reduzido se o consumo de combustível for mais baixo. Consumiu menos, paga menos. A análise é feita por meio de uma tabela estimada de preço por km por faixa de consumo.

“Fomos os primeiros a criar este modelo de sucesso, e, agora, melhoramos o que já era bom”, relembra Montanha.

Já o sistema Control Tower atua na gestão ativa da eficiência do fluxo das oficinas e dos processos de manutenção da rede Scania para que o veículo retorne à operação o mais rápido possível garantindo até 30% de redução no tempo de parada. Em razão disso, além do veículo com PMS Flexível já parar menos para manutenções, as paradas também serão ainda mais rápidas.

O sistema detecta automaticamente qual a Casa Scania onde o caminhão está, quando é necessária uma manutenção corretiva ou preventiva, e a equipe da Scania passa a acompanhar o tempo do veículo na oficina, desde o processo de recebimento do veículo, abertura e fechamento da ordem de serviço até a liberação da oficina e saída da concessionária.

Esse controle trabalha para evitar que existam atrasos na manutenção, com suporte técnico, diagnósticos rápidos e precisos para entregar o caminhão dentro do menor tempo possível. Após a conclusão do atendimento, indicadores de disponibilidade são gerados para o acompanhamento da performance da manutenção. Essa gestão compartilhada mostrará frequentemente ao cliente, via relatórios, como está a frota monitorada em termos de disponibilidade mecânica ou física em relação à manutenção Scania.

Os testes do novo sistema começaram em novembro de 2020, com frotas-piloto de clientes em operações reais. Nos resultados analisados de todos os veículos monitorados se observou uma redução próxima a 30% no tempo de permanência nas oficinas após o monitoramento e ações proativas da Control Tower.

“Essa rapidez se traduziu em horas adicionais que os veículos puderam rodar e ganhar mais capacidade de geração de frete, favorecendo um aumento da receita das transportadoras e mais flexibilidade no planejamento e alocação da frota. Saber a disponibilidade mecânica esperada ao longo de toda a vida útil do produto é necessidade do cliente, com isso é possível fazer uma gestão completa e eficiente do negócio. Por isso, a Control Tower se tornará essencial para o transportador manter sua logística rentável. É redução de custo e aumento de receita garantidos, e de forma gratuita para quem já é premium flexível e aos futuros novos interessados”, conta Gustavo Andrade, gerente do Portfólio de Serviços da Scania no Brasil.

A modalidade Pay per Use (pague o que usar) permite personalizar ainda mais a cobertura e o modelo de gestão financeira de acordo com as necessidades de cada operação, e também avança na oferta de disponibilidade comprovada. Essa é uma opção mais voltada a médias e grandes frotas. Ao optar por ela, o cliente passa a ter uma modalidade financeira com 100% do resultado do programa de manutenção.

“A grande novidade é o preço ajustado ao custo real utilizado na manutenção, sem uma estimativa pré-combinada. A cada três meses serão apurados custos e receitas. Ajustes, se necessários, serão feitos buscando o equilíbrio do fluxo de caixa do cliente e da concessionária”, diz Andrade.

Outra vantagem será a opção de aumento da cobertura de itens que não estão inclusos no PMS Premium Flexível.

“O cliente poderá customizar a cobertura do plano, adicionando por exemplo as manutenções preditivas, baterias ou peças de acabamento do veículo. Dessa forma, o cliente ganha tempo no atendimento e sem necessidade de aprovações destes orçamentos, laudos técnicos e serviços na oficina usufruindo das vantagens dos preços acordados no PMS. Graças a isso, o veículo ficará menos tempo parado nas oficinas e os proprietários menos ocupados em tratar de processos administrativos. Com o PMS Premium Flexível Uptime criamos um divisor de águas na geração de valor ao cliente. A partir de agora, disponibilidade máxima, medida e comprovada são parte integrante do pacote de benefícios exclusivos, tudo isso para impulsionar ainda mais o negócio dos clientes Scania”, conclui Andrade.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Siga o Blog do Caminhoneiro nas redes sociais

Deixe um comentário!

Johnny Cash comprou e nunca usou um Peterbilt 359 Conheça o caminhão que foi o primeiro bitruck do Brasil Auxílio de R$ 1.000 para caminhoneiros é aprovado Conheça os detalhes do projeto Roda Bem Caminhoneiro Scania já teve 13 séries especiais no Brasil