Empresa britânica destaca frota de Scania com cabines teto alto para todos os modelos

Frequentemente falamos aqui no Blog do Caminhoneiro sobre o sistema modular de produção de caminhões Scania. Baseados em projetos que podem ser misturados entre si, os modelos da marca podem receber uma infinidade de variações, como caminhões rígidos com cabines enormes, ou cavalos mecânicos com cabine L, rebaixada, mas sem perder o espaço para a cama.

E a empresa Fagan & Whalley Ltd, que atua no transporte rodoviário no Reino Unido, deixou isso bem claro nesta semana, ao alinhar parte da frota lado a lado, sendo uma unidade de cada linha da Scania, atualmente composta por cinco versões.

Os caminhões que atuam no novo depósito Frontier Park da empresa são dos modelos L, P, G, R e S, e todos contam com as maiores cabines disponíveis, na versão Highline. A empresa acredita ser a única do Reino Unido que tem um exemplar de cada modelo, especialmente nas configurações mostradas nas fotos.

A cabine S é a única que tem piso plano, com todos os outros tendo o túnel do motor na cabine, sendo o mais baixo no modelo R e o mais alto, na altura dos assentos, para o modelo P e L.

O modelo L da empresa é uma raridade. Geralmente esse caminhão é usado para coleta de lixo, já que a cabine facilita a entrada e saída da equipe responsável pelo serviço, mas, no caso da empresa, é usado com um implemento baú sider, e roda dentro das cidades, facilitando a visualização de pedestre e ciclistas no ambiente urbano.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!

O Royal Eagle é um Scania 143 como você nunca viu T112MC – Scania desenvolveu modelo exclusivo para a Nova Zelândia Você lembra do seriado “As Aventuras de BJ” nos anos 1980? Caminhões chineses são equipados com cabine de modelo da década de 1970 Conheça o transporte Piggyback, muito usado nos Estados Unidos