Chile libera tráfego de caminhões na fronteira com a Argentina

por Blog do Caminhoneiro

A região de Cristo Redentor, na Argentina, já tinha uma fila com mais de 3 mil caminhões brasileiros, argentinos e uruguaios, que precisavam atravessar a fronteira para o Chile, e eram impedidos pela demora na realização dos exames de covid-19 nos motoristas.

Após um acordo entre os governos do Chile e da Argentina, as regras foram flexibilizadas. O impasse durou duas semanas, e, a partir de agora, se espera que o tráfego de caminhões na região seja normalizado.

Diariamente, mais de mil caminhões passam pela região, que é um dos caminhos mais movimentados por via terrestre para o Chile. Com as reclamações dos transportadores argentinos e bloqueio que foi realizado do lado argentino, impedindo também a entrada dos caminhões vindos do Chile, a regra do exame foi alterada, e os caminhoneiros poderão fazer um teste PCR ate 48 horas antes da entrada no país.

Testes aleatórios continuarão a ser realizados por agentes de saúde do Chile na fronteira, para tentar evitar a entrada de motoristas que possam ter fraudado os exames.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!