Mineiro cria carreta com motor AP de Santana e diferencial de Chevette

Sempre destacamos aqui no Blog do Caminhoneiro o talento de artesão do mundo inteiro. Mas não é preciso ir muito longe para encontrar pessoas que criam objetos impressionantes com as próprias mãos. Nessa semana, nosso amigo e leitor Marcos Pietro, que viu e filmou uma carreta diferente em Minas Gerais nos contou sobre o curioso veículo.

O criador da carreta em tamanho reduzido é o Nilton Cesar, que mora em Prata, no estado de Minas Gerais. Ele construiu o caminhão como protótipo, conseguindo o emplacamento normal, podendo rodar por qualquer rodovia.

O motor é um AP 2000, que equipava o Volkswagen Santana, com eixo traseiro no cavalo vindo de um Chevrolet Chevette. Os freios são de automóvel no cavalo e a ar na carreta.

A construção da carreta começou em 2010, e atualmente a pequena carreta artesanal é usada para o transporte de material de pintura e ferramentas usadas para esse serviço.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

9 thoughts on “Mineiro cria carreta com motor AP de Santana e diferencial de Chevette

  • 09/05/2022 em 13:43
    Permalink

    duvido que esteja licenciada, pois no brasil n liberam veiculos artesanais…até pq não falaram com o dono.

    Resposta
  • 09/05/2022 em 07:09
    Permalink

    Poxa, matéria legal, chamativa, mas fraca nas informações.

    Resposta
  • 08/05/2022 em 11:12
    Permalink

    P7 daqui da minha cidade essa carreta tem muita utilidade

    Resposta
  • 08/05/2022 em 10:36
    Permalink

    Olá entendo que as vezes é complicado
    As noticias vem aos pedaços
    Mas acredito que esta carreta merece um post mais detalhado. Pelas fotos foi muito bem construída. Os detalhes são bem interessantes.
    Tão bem feita que conseguiu emplacamento, que não é tão fácil.
    Parabéns ao construtor e para ti pelo furo da reportagem

    Resposta
  • 08/05/2022 em 07:10
    Permalink

    A matéria em si desperta a atenção mas a elaboração da mesma é de péssima qualidade informativa,que pena.

    Resposta
  • 08/05/2022 em 06:50
    Permalink

    Esperava pelo menos que mostrasse ligada,quanto peso carrega,velocidade?tudo bem abstrato,mas um salve pela criatividade

    Resposta

Deixe um comentário!

Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal CAMINHONEIRO SEGUE TRABALHANDO AOS 90 ANOS DE IDADE