DAF apresenta novo sistema de direção para caminhões 6×2 na Europa

Os caminhões DAF, nas versões XF, XG e XG⁺, além do XD, estão recebendo uma inovação em seus sistemas de direção, quando equipados com dois eixos direcionais. A montadora está oferecendo, como opcional, um sistema de direção que funciona por meio de um conjunto híbrido, elétrico e hidráulico.

Chamado de Electric Hydraulic Steering (EHS), ou Direção Elétrica Hidráulica, o sistema garante que os eixos direcionais em caminhões 6×2/2 funcionem de maneira mais eficiente.

Isso é muito requisitado para operações de transporte em áreas agrícolas e também em locais de construção, onde são exigidas muitas manobras. O sistema substitui o conjunto mecânico tradicional.

Todas as peças mecânicas dão lugar a um conjunto hidráulico, que é acionado por um motor elétrico. O conjunto é 30 quilos mais leve que o sistema tradicional, e também é mais preciso, reduzindo até o consumo de combustível.

Equipados com a nova tecnologia, os caminhões também podem ter tanques de combustível 40% maiores, com capacidades de até 900 litros, já que o sistema usa menos espaço no chassi,

A DAF garante que a tecnologia empregada no sistema fica monitorando o ângulo de direção continuamente, com base na velocidade e distância de entre eixos, o que garante mais precisão, com menor desgaste de pneus.

Essas mudanças trazem um ganho de 12% no ângulo de giro dos caminhões DAF, o que facilita manobras em lugares apertados.

Outra vantagem é que quando o caminhão está em velocidades mais altas, acima de 45 km/h, o segundo eixo direcional é travado perfeitamente alinhado, o que aumenta a estabilidade do conjunto, e também garante mais conforto ao motorista.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal