Iveco S-Way começa a chegar a rede de concessionárias

Um dos caminhões que mais chamou a atenção durante a última Fenatran, o S-Way produzido pela Iveco, começa a chegar à rede de concessionárias da marca. A primeira a receber o caminhão é a Rodonaves, que tem unidades em Caçapava, Campinas, Ribeirão Preto, São José do Rio Preto, Bauru e Regente Feijó, em São Paulo, e está em 2º lugar em volume de vendas, no Brasil em 2022.

O Iveco S-Way é considerado pela montadora o melhor pesado da marca já fabricado no Brasil e se destaca no segmento com alta tecnologia, conectividade e conforto.

As primeiras unidades serão entregues a partir de 2023 e na primeira fase da comercialização, a Rodonaves Iveco espera receber 100 caminhões S-Way.

“Como referência dentro da rede de concessionárias Iveco, temos um papel muito estratégico nos negócios da marca no Brasil. Por isso, é uma honra ser a primeira rede a receber esse lançamento, e com muita alegria seguimos contribuindo para a evolução e a proximidade da marca Iveco com os seus clientes, proporcionando uma experiência única em toda a jornada desse consumidor”, conta Carlos Tonietti, diretor de negócios da Rodonaves Iveco.

“As primeiras negociações surgiram ainda na Fenatran, quando alcançamos 500 intenções de compra. Esse é um produto diferenciado que vai contribuir na elevação do nosso market share no segmento de pesados, que atualmente representa mais de 45% do mercado. Estamos bastante otimistas sobretudo quando as primeiras unidades chegarem para test drive nos clientes potenciais”, avalia Carlos.

Segundo a montadora, o desenvolvimento do caminhão envolveu cerca de 350 profissionais, mais de 70 protótipos submetidos a mais de 450 diferentes tipos de testes, mais de 1 milhão de horas de trabalho intenso e cerca de 2,5 milhões de quilômetros rodados. O resultado é um pesado tecnológico em três versões: trações 4×2, com 450 cv; 6×2, com 480 cv e 6×4, 540 cv, além de muita tecnologia embarcada que proporciona conectividade e conforto.

“Há mais de 15 itens de série, como ar-condicionado, central multimídia com conexão com Apple CarPlay e Android Auto e volante multifuncional. Outra novidade são os pacotes de tecnologia e segurança, que acrescentam itens como sensor de faixa, aviso e frenagem autônoma, além de acessórios genuínos como grade cromada, defletores, roda de alumínio, entre outros que além da estética proporcionam a redução do consumo de combustível”, explica Tonietti.

O S-Way, que começará a ser entregue aos transportadores em 2023, entrega uma redução de 15% no consumo de diesel, se comparada com os atuais das linhas HI-Road e HI-WAY.

“O cursor 13 e transmissão ZF Traxon de 12 velocidades, a melhor do segmento, formam um conjunto perfeito para o Iveco S-Way alcançar um patamar diferenciado de desempenho e consumo. O novo sistema Iveco Drive, que auxilia o motorista na otimização da condução econômica, também tem um papel importante no projeto”, finaliza Carlos.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

7 thoughts on “Iveco S-Way começa a chegar a rede de concessionárias

  • 08/01/2023 em 13:53
    Permalink

    Ficou com a cara do coringa este Iveco kkkk

    Resposta
  • 08/01/2023 em 10:20
    Permalink

    Impressionante como a Iveco não muda a caixa eurotronica 16 marchas um pesadelo na pista

    Resposta
    • 09/01/2023 em 12:20
      Permalink

      Amigo o novo IVECO S-WAY vem equipado com caixa AUTOMATIZADA de 12 marchas ZF 12TX2624TD.

      Resposta
  • 08/01/2023 em 09:07
    Permalink

    A Fertran, do grupo D’Granel, já tem S-Way rodando na caçamba, região de Sabará MG.

    Resposta
  • 07/01/2023 em 20:01
    Permalink

    Posição de dirigir horrível.

    Parece uma Kombi.

    Igual Scania e Volvo não tem.

    Resposta
    • 09/01/2023 em 12:25
      Permalink

      O novo IVECO S-WAY vem equipado com volante regulável em profundidade e nivelamento, podendo se ajustar a melhor maneira de condução,

      Resposta
  • 07/01/2023 em 19:59
    Permalink

    O volante continua virado pra cima igual da Kombi, isso é ridículo e da uma dor nas costas danada.

    Ergonomia (posição de dirigir) igual Volvo e Scania não tem.

    Resposta

Deixe um comentário!

Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal