Motorista de ônibus irá receber indenização por excesso de calor

por Blog do Caminhoneiro

Uma cidade quente, ônibus com pouca ou quase nenhuma ventilação, vibrações e o calor do motor veículo foram as razões de um motorista de ônibus urbano de Manaus para pedir à Justiça do Trabalho que condenasse a empresa em que trabalhava, que lhe concedesse o adicional de insalubridade.

O pedido foi feito na 1ª Vara de Trabalho de Manaus em fevereiro de 2012, em reclamação trabalhista contra uma empresa de Manaus, buscando o adicional de insalubridade no grau máximo (40%). Procedente a ação, a empresa entrou com recurso de revista para o TRT da 11ª Região (RR/AM), sustentando não existir previsão legal conferindo ao condutor de ônibus urbano adicional de insalubridade por estar submetido à temperatura média de 32° a 33° no trabalho. O TRT decidiu que “não se precisa ser técnico para perceber que cobradores e motoristas em Manaus trabalham em condições insalubres”.

O regional lembrou que “em Manaus os assentos dos motoristas costumam ser de ferro revestido de macarrão (tiras de plásticos) e o motor localiza-se ao lado do motorista”. Mas, em vez de 40%, o TRT determinou o pagamento de 20% de adicional de insalubridade durante todo o período de trabalho do motorista. A empresa ainda entrou com agravo de instrumento no TST. Mas a relatora do processo destacou que “o recurso da empresa somente seria admitido por contrariedade a súmula de jurisprudência do TST ou violação direta da Constituição, e não por ofender portaria do MTE ou OJ do TST”.

Nenhuma das violações apontadas pela empresa foi recebida pela Turma, que negou por unanimidade o agravo da empresa.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-98800-6519

27 comentários
0

Artigos relacionados

27 comentários

ANDRE LUIS MACHADO 07/08/2017 - 10:57

Absurdo isso, quando o cara entrou na empresa com certeza ele já sabia das condições dos veículos, se ele não queria passar calor, bastava pedir as contas e ir embora, a empresa não obrigou ele a trabalhar assim!

Reply
Roney Dos Santos Almeida 16/04/2017 - 22:01

Justo

Reply
Rondy Freitas 16/04/2017 - 21:21

É cada marmota !

Reply
Paulo Sanguanini 16/04/2017 - 20:21

Neia Eleoterio mostra pro Deco

Reply
Bruno Ribeiro 16/04/2017 - 18:04

Ronei enquanto isso motorista de caminhão tomando cada dia mais na tarraqueta kkkkk

Reply
Ronei Sales 16/04/2017 - 18:05

Ai sim ein,fala vdd…

Reply
Bruno Ribeiro 16/04/2017 - 18:07

Que mordomia kkkk

Reply
Givaldo Duarte 16/04/2017 - 15:42

KKKKK NUNCA

Reply
Celson Jose 16/04/2017 - 14:50

Isso é um inferno dirigir ônibus

Reply
Masayuki Nakayabu 16/04/2017 - 12:56

tbm quero uma endenizasao❗️mal comesou o verao e ja ta 30grausassim nao vira trampo

Reply
Diney Poty 16/04/2017 - 12:25

Nada mais justo

Reply
Wilson Guimarães Lima 16/04/2017 - 11:52

Calor barulho passageiros chatos etc kkkkkkkk

Reply
Erasmo Carlos 16/04/2017 - 11:47

Aleluias

Reply
Rodrigo Dias de Matos 16/04/2017 - 11:05

Hoo glórias

Reply
José Edson 16/04/2017 - 08:27

Severino Augusto

Reply
Dede Zagonel 16/04/2017 - 03:27

Então motorista de murisoka vai ganhar tbm kkkkk

Reply
Heros Melo 16/04/2017 - 02:42

Andre Moreira

Reply
Silvestre Araujo 21/03/2017 - 21:32

Vixe e dentro do 1113 ja assei muitos pastéis kkkk

Reply
Jair Romeu Burchardt 21/03/2017 - 21:01

Nem um ventilador tem desses comprados em autoeletricas, deveria vir de fábrica principalmente em ônibus urbanos que rodam em baixa velocidade

Reply
Cleverson Cleber 21/03/2017 - 20:28

Com essa Justiça do trabalho que só favorece os empresários , no dia de São nunca…

Reply
Jean Pierre Qra Du Planalto 21/03/2017 - 17:05

Haa se for assim motorista de 1519 vai quer também! !! nao existe trem mais quente que uma 1519 kkkkk

Reply
Marcio Pinto 21/03/2017 - 16:00

Rogerio Bolorino

Reply
Adonay Oliveira 21/03/2017 - 15:49

Se todos levássemos na justiça com certeza fabricantes melhorariam a cabine dos ônibus

Reply
Dionata Oliveira Leal 21/03/2017 - 12:34

Acredito que pelo menos nos meses de verão, todos os motoristas de ônibus sem ar condicionado na cabine deveria receber insalubridade.
Moro no Rio Grande do Sul, e mesmo assim, aqui nos meses mais quente, já teve dias em que a temperatura dentro da cabine superou 40 graus diversos dias seguidos.

Reply
Maverick Gomes 21/03/2017 - 14:17

Que século

Reply
Sergio Xavier Beiju Xavier 21/03/2017 - 13:51

Concordo

Reply
Renato 21/03/2017 - 21:22

Muito bom agente sofrer muito com esse ônibus com motor dianteiro, aqui em salvador das muito calor vou cobrar também??

Reply

Escreva um comentário