Estados Unidos pode liberar jovens de 18 a 21 anos para dirigirem caminhões

por Blog do Caminhoneiro

A falta de motoristas profissionais nos Estados Unidos é um problema que tem afetado a economia do país há bastante tempo. Atualmente estima-se uma falta de 100 a 110 mil motoristas profissionais somente nos Estados Unidos, gerando uma reação em cadeia no sistema de transportes. Várias empresas tem centenas de caminhões parados por falta de caminhoneiros.

São várias ideias para aliviar esse problema, mas nessa semana uma em especial chamou a atenção: Dois deputados norte-americanos propuseram a redução da idade mínima para dirigir caminhões em rotas interestaduais. O projeto dos deputados Duncan Hunter e Trey Hollingsworth propõe reduzir de 21 para 18 anos a idade mínima para motoristas profissionais. A idade mínima para obtenção da carteira de motorista nos EUA é de 16 anos para veículos leves e 21 anos para caminhões.

A proposta dos deputados foi extremamente bem recebida pelo líderes da indústria e logística dos EUA. De acordo com os deputados, se jovens podem entrar nas Forças Armadas com 18 anos, também podem receber treinamento para dirigirem um caminhão com a mesma idade.

Os motoristas habilitados nessa categoria seriam obrigados a dirigirem com velocidade máxima de 65 milhas por hora (104 km/h) e deverão ser monitorados constantemente. Com a proposta, jovens recém formados no ensino médio podem optar pela carreira de motorista profissional e terem um salário de cerca de US$ 60 mil (R$ 198 mil)  por ano.

Algumas entidades criticaram o plano, por considerarem que o risco em viagens de longa distância com motoristas menos experientes seja maior. De acordo com Henry Jasny, vice-presidente e conselheiro geral da Advocates for Highway and Auto Safety, grupo que atua com segurança viária e redução de acidentes, os jovens levariam mais tempo para conseguirem dominar caminhões de grande porte.

Estudos também mostram que o número de acidentes com jovens entre 18 a 21 anos é maior do que entre a população mais velha. Porém, entidades ligadas ao transporte rebatem essa tese, afirmando que treinamento adequado reduziria os riscos de acidentes e ainda criaria uma nova classe de motoristas, mais jovens e treinados que os motoristas atuais.

De acordo com o projeto, após receberem a carteira de motorista profissional, os jovens deverão ter 400 horas de treinamento teórico e prático e mais 240 horas de direção com um motorista experiente ao seu lado. Após isso, seriam liberados para trafegarem com caminhões especialmente adaptados, com câmeras de segurança, freios automáticos e um dispositivo para evitar velocidades maiores que 65 milhas por hora.

As empresas dos Estados Unidos pressionam pela aprovação do projeto, pois lutam para conseguirem completar as vagas em aberto. A geração atual de motoristas de caminhão tem idade média de 55 anos, com milhares de motoristas se aposentando todos os anos e não há novos motoristas entrando no setor. A American Trucking Associations publicou recentemente um relatório onde afirma que até 2024 o setor de transportes irá precisar de cerca de 1 milhão de novos motoristas para acompanhar a demanda.

Para aliviar o problema, empresas de transporte tem aumentado salários, bônus e prêmios para motoristas antigos e novos motoristas, mas o setor de transporte não consegue competir com outras áreas para atrair jovens por conta de vários fatores, como tempo de serviço, salário mais baixos, viagens longas e tempo longe de casa.

Ainda não há nenhum projeto visando trazer motoristas de outros países para o Estados Unidos.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

16 comentários
0

Artigos relacionados

16 comentários

Leandro Rigatti 31/03/2018 - 13:56

Boa tarde como faz para ter carteira de motorista aí nos EUA para trabalhar nas empresas

Reply
Adriano Machado de oliveira 31/03/2018 - 13:19

Boa tarde pena que muitos proficional nao tem como ir pra la e no brasil tendo tantos desempregados

Reply
Vladinir Monteiro da Silva 31/03/2018 - 11:25

No.usa o motorista e reconhecidos e respeitado no Brasil ele discriminado.

Reply
QRA : Ricardinho 31/03/2018 - 08:31

Opa c abrirem uma oportunidade to dentro

Reply
Geraldo sales 31/03/2018 - 08:10

Sou motorista de carreta e meu sonho é ganhar um salário desse dos USA. E outro sonho é morar lá,como seria bom uma política de migração de motoristas de outros países. Eu iria imediatamente.

Reply
sergio Oliveira De Arruda 31/03/2018 - 08:04

Boa eu sou motorista profissional de carreta tenho isso comprovado em carreta se houver uma possibilidade para ir para o Estados unidos da América para trabalhar de motoristas eu iria sem pensar 2 vezes vem em mim oportunidade!

Reply
Edelcio Aparecido da silva 31/03/2018 - 07:25

Bom dia sou motorista carreteiro mais de 20 anos de experiência hoje sou instrutor de motorista queria uma oportunidade de trabalhar fora do Brasil meu e-mail edelciossilva@gmail.com

Reply
Ricardo 31/03/2018 - 02:41

O que mais quero é trabalhar na América do Norte como carreteiro… Tenho experiência, idade, passaporte e falo inglês… Só falta a oportunidade .

Reply
Marco tTúli Macedo Gil 30/03/2018 - 23:44

Por isso que é Pais de 1° mundo, porque todas profissões tem seu valor reconhecido,se tiver chance de intercâmbio sou voluntário de imediato!!!

Reply
Roberto Paulo Soares 30/03/2018 - 23:01

Uma ótima solução seria importar motorista carreteiros do Brasil . Bem que o ministério do trabalho poderia negociar está situação. Assim como a Austrália contratou assogueiros brasileiros.

Reply
Jeferson 30/03/2018 - 20:26

Eu também gostaria de fazer um intercâmbio para adaptação e depois se possível continuar trabalhando por lá já que lá a profissão é valorizada por todos.

Reply
Thiago Sampaio Araújo 30/03/2018 - 19:44

O excelentíssimo presidente dos Estados Unidos poderia liberar a entrada de motoristas profissionais de outros países como nós brasileiros para podermos ganhar a vida nas excelentes estradas dos América do Norte!

Reply
Everaldo Fabrício 30/03/2018 - 17:51

Eu também gostaria de me candidatar a uma vaga nos stats. Já que aqui no Brasil nunca vamos ser valorizado.

Reply
Wellington Miranda 30/03/2018 - 12:11

Então sou motorista estou parado se fizerem intercâmbio para motorista pode me mandar o e-mail que providencio os papéis

Reply
Franklin 30/03/2018 - 19:12

Podem me levar q vou sem olhar pra trás!!!

Reply
Marcos aurelio Del Col Siqueira 31/03/2018 - 09:32

Sou motorista profissional tbm pode me convidar que tbm vou ser motorista de caminhao la , vou sem. Olhar pra trás

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!