O “Caminhoneiro Amigo” das estradas invadiu o mundo virtual




Uma cena bastante comum de anos atrás era ver um caminhão quebrado na rodovia e vários outros parados, auxiliando o motorista que precisava de ajuda. Eram os irmãos da estrada, que não saiam do local até que o caminhão voltasse a funcionar.

Hoje os tempos são outros. Os caminhoneiros não podem parar em qualquer local, são monitorados pelas empresas 24 horas por dia, tem horários rígidos a serem cumpridos e cada vez menos tempo para dar uma mão a um colega que precisa.

Mas, a falta de companheirismo na estrada foi substituída pelo companheirismo online. Organizados em grupos e comunidades nas redes sociais, os caminhoneiros se ajudam de todas as formas possíveis, desde a escolha de um novo acessório, uma rota a ser seguida e claro, na resolução de problemas que possam aparecer nos veículos.

LEIA MAIS  Equipe de Bolsonaro já discute nova tabela de frete para evitar greve de caminhoneiros

Não é incomum ver uma postagem de um caminhoneiro que precisa de uma mão passar das centenas de comentários. Ainda mais hoje em dia, com caminhões cada vez mais modernos, onde uma luz diferente que se acende no painel pode causar pânico.

Essa troca de experiências entre caminhoneiros ajuda ainda quem não passou pelo problema e também quem ainda não está na estrada. Muitos jovens usam essas dicas para aprender mais sobre caminhões, mesmo sem terem carteira de motorista.

Em uma das postagens em um grupo, um motorista pediu auxílio para saber do que se tratava uma mensagem no computador de bordo do caminhão. Logo, mais de cem respostas foram publicadas por outros motoristas, com dicas do que poderia ser o problema.

LEIA MAIS  Motorista é preso após apresentar CNH falsa na Via Dutra

Os conselhos, mais de 90%, podem ser aproveitados para eliminação de possibilidades até que o real problema seja encontrado. É uma forma nova do “Caminhoneiro Amigo”, que está desaparecendo da estrada e ganhando a internet.




Um comentário em “O “Caminhoneiro Amigo” das estradas invadiu o mundo virtual

  • 29/11/2018 em 03:39
    Permalink

    Antigamente era muito melhor sem comparacco mesmo com toda essa tecnologia.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!