Renovação de frota de caminhões deveria sair do papel para beneficiar o autônomo




A frota nacional de caminhões no Brasil é antiga. Temos em nossas estradas caminhões de 50 anos ou mais, trabalhando regularmente. Essa situação ocorre porque o caminhoneiro não consegue melhorar de caminhão, e precisa manter o mesmo veículo por longos anos, com poucas chances de trocar aquele veículo por um novo.

A realidade do transporte no Brasil tem esmagado os autônomos, que detém a maioria dos registros RNTRC emitidos. São 528.587 autônomos no Brasil, 153.510 empresas e 341 cooperativas registradas pela ANTT.

A frota de caminhões na mão dos autônomos é de 699.205 caminhões, a grande maioria com idade avançada. A idade média dos caminhões usados pelo autônomos é de 17 anos. As empresas tem veículos com idade média de 8,8 anos.

Por isso seria tão importante um programa nacional de renovação de frota, oferecendo aos caminhoneiros autônomos a oportunidade de compra de um caminhão melhor, novo ou semi-novo, e enviando os caminhões antigos para reciclagem.

O primeiro impacto positivo dessa renovação seria da emissão de poluentes. Caminhões antigos não cumprem nenhuma regra de emissões e poluem o dobrou ou mais do que um caminhão Euro 5, que entrou no mercado em 2012.

Essa renovação também traria mais segurança para as estradas. Um caminhão velho, por mais bem cuidado que seja, pode apresentar falhas por desgaste mais rapidamente do que um caminhão mais novo. As peças disponíveis no mercado para alguns modelos de veículos mais antigos também são apenas paralelas, já que as peças originais deixam de ser produzidas, e muitas vezes a única forma de manter um caminhão muito antigo trabalhando e usar adaptações e as famosas gambiarras.

LEIA MAIS  Caixa Econômica Federal passa a financiar 100% do valor de caminhões

Com caminhões mais novos, também aconteceria um impacto positivo nas contas dos caminhoneiros, já que os veículos mais novos consomem menos, quebram menos e se mantém ativos por mais tempo, dando mais rentabilidade ao transportador autônomo.

Esse projeto de renovação de frota, se saísse do papel, ajudaria não só os caminhoneiros, como também toda a economia do país.

A renovação deveria começar com a redução de impostos nos caminhões novos, para que os valores não fossem tão altos para o caminhoneiro autônomo. cerca de 30% do valor de um caminhão novo são impostos, para alguns caminhões isso corresponde a mais de R$ 100 mil.

O governo poderia criar um linha de financiamento, via BNDES, exclusiva para quem tem apenas um caminhão e que irá realizar a troca por um modelo novo. Para obtenção do financiamento, o caminhoneiro teria que dar a destinação correta ao seu caminhão velho, além de comprovar a inscrição no RNTRC e a propriedade do veículo antigo por um tempo pré-determinado, isso evitaria possíveis fraudes no sistema.

LEIA MAIS  Caminhões tem restrição de tráfego na Semana Santa

Outra medida que seria boa para os caminhoneiros e também para as transportadoras seria uma forma de cobrança de impostos invertida. Hoje no Brasil os impostos são menores para caminhões mais antigos. Quem tem um caminhão mais novo, que oferece tecnologia, segurança e menos poluição paga mais caro. Países como a Alemanha cobram impostos menores para veículos novos. Isso incentiva as trocas de frotas.

No passado, outras iniciativas como o Pró-Caminhoneiro, pouco beneficiaram os caminhoneiros. Um projeto nacional de renovação de frota para veículos com mais de 20 anos agora seria excelente para os autônomos, para a segurança nas estradas, para a economia, para as fábricas de veículos.

Projetos para renovação existem, como o PL 10790/2018, do Deputado Assis do Couto – PDT/PR, mas que ficam parados na Câmara dos Deputados por longos períodos, sem serem analisados pelos deputados. Isso precisa sair do papel.

Blog do Caminhoneiro




15 comentários em “Renovação de frota de caminhões deveria sair do papel para beneficiar o autônomo

  • 09/04/2019 em 10:29
    Permalink

    Se o Brazi mudar de maos isso melhora caminhoneiro autônomo vai acabar não sei onde estamos com a cabeça de trabalhar dessa forma adiantamento de frete isso não existe . Pra começar preco de combustível subindo a todo dia tem que ter uma tabela a ser comprida ciot nan precisa ter agente fiscalização hoje e tudo informatizado o governo sabe como estamos e por quanto estamos carregando nan libera a sai de notas se não estiver com os impostos pagos . Isso vai ser um tiro no pé como os economistas estão falondo pro governo eles estão achando que os grandes produtores fabricantes vao dar conta de transportar por mais que somos pequenas forminhas somos bastantes agradeço a Deus por hoje entrego o amanhã para ele

    Resposta
  • 08/04/2019 em 22:08
    Permalink

    Cara tô cansado desse filme tô com mais de 20 dias parado não tem carga que seja realmente lucrativa o governo tá só cozinhando as promessas em banho maria e eu não vejo melhora, no meu ponto de vista só tem duas opções ou abandonar o ramo de caminhoneiro ou partir pra guerra pra luta por dias melhores!!!!

    Resposta
  • 08/04/2019 em 21:24
    Permalink

    Tudo no Brasil é complicado e se tratando de caminhão o negocio piora um pouco mais. Trabalho com caminhão à mais de 10 anos e já vi muito altos e baixos no transportes nesse período, porém nos últimos anos o negocio piorou muito, esse procaminhoneiro eu só vi beneficiar as grandes transportadoras que compram de 50-100 caminhões de uma vez, para o autonomo que possui 1 ou 2 caminhões é praticamente impossível conseguir um financiamento desse, o óleo diesel só tem aumentado o preço, despesas de estrada e manutenção também, o preço dos pedágios então nem se fala, a maioria é um absurdo o valor cobrado, sem contar que as condições da rodovias não condizem com esses valores, o preço de fretes que vejo hoje chegam a ser menores do que fretes que eu transportei a 10 anos atrás, e na minha opinião as empresas até pagam os valores ideais pelo transporte da carga delas só que os agenciadores que ficam entre a empresa e o caminhoneiro que vai levar a carga ficam com uma generosa parte desse dinheiro, isso é uma coisa que realmente deveria ser extinta e faria com que o caminhão trabalhasse com mais condições nos dias de hoje.

    Resposta
  • 08/04/2019 em 20:58
    Permalink

    Se tivesse um frete justo não ia precisar de programa nenhum esse programa só vai ser bom para as transportadoras que vai comprar caminhão até no nome da sogra

    Resposta
  • 08/04/2019 em 20:06
    Permalink

    Pensando na vontade e na letargia pública dos legisladores brasileiros todo esse assunto é uma ilusão. Eu tenho um caminhão 1987 é meu e ta pago . Pelo preço que os empresários gananciosos pagam o frete não vale a pena trocar de caminhão. Se todos tivessem preocupados com o meio ambiente não deixaram derrubar mais uma árvore no pulmão verde( Amazônia) .

    Resposta
    • 08/04/2019 em 20:38
      Permalink

      Concordo contigo, Ricardo!! Nós, autônomos só levamos tinta. Cada vez inventam uma moda para nos sacanear. As últimas foram os ganchos das carrocerias e agora, a palhaçada em relação à altura da carga. Porém, nós mesmos somos os culpados que assistimos a isso tudo e não fazemos nada.

      Resposta
  • 08/04/2019 em 19:03
    Permalink

    Primeiramente teriam que dar condições pra isso, frete baixíssimos diesel caro, pedágios a cada 25 km e custando os olhos da cara, digo de passagem, é um milagre ainda ter caminhões de autônomo na rua trabalhando, Brasil é um país que tira do empreendedor para dar para bandidos!!!!

    Resposta
  • 08/04/2019 em 18:22
    Permalink

    No Brasil, infelizmente o pequeno não tem vez,só tem incentivo para grandes grupos que mantém lobby no governo em benefício próprio.Quero ver um autônomo fazer uma dívida de 500 mil reais e conseguir pagar, vai morrer e não termina de pagar,além do seguro, despesas de família, manutenção do caminhão com o valor que as concessionárias cobram pelas peças e mão de obra.Todo mundo explora o caminhoneiro, desde noiado até o presidente da república.

    Resposta
  • 08/04/2019 em 17:21
    Permalink

    E amigo o problema maior é que sumiu o frete pro autonomo

    Resposta
    • 08/04/2019 em 18:32
      Permalink

      Deveriam pagar um frete decente pro caminhoneiro autônomo. Não adianta falar em renovar a frota se o caminhoneiro autônomo não recebe frete que compensa

      Resposta
  • 08/04/2019 em 14:56
    Permalink

    Sinceramente não entendo , o autônomo tem um caminhão próprio, pago sem prestação, e custa dar conta de pagar o combustível, imagina comprando um caminhão novo , vai ter prestação pra pagar , seguro pra pagar , IPVA mais caro pra pagar , até o litro do combustível é mais caro , peças de manutenção periódica mais caras , o cara vai comer o q , pagar aluguel com o que ??? E outra pergunta , ele compra um caminhão novo, mas o velho não vai desaparecer , vai pras mãos de outro.
    Pra finalizar , essa renovação só beneficia as indústrias e o governo , pro caminhoneiro só sobra o que Mariazinha ganhou atrás do armário.

    Resposta
  • 08/04/2019 em 13:24
    Permalink

    Boa tarde
    Em primeiro lugar deveriam se preocupar em fazer alguma coisa em relação ao preço do disel
    Preço dos pedágios
    Preço dos fretes que não precisa ser tão caros como pela tabela abisurda que fizeram.
    Mas que também não seja de graça como se diz só pelo disel e a marmita…
    Primeiro ajude-nos a termos uma estabilidade financeira…
    Para depois cobrar renovação de frota

    Resposta
    • 08/04/2019 em 17:13
      Permalink

      Sou autônomo e com certeza se tivesse um financiamento atraves do BNDES nos ajudariam em muito,pois com um caminhão novo ou semi novo a produtividade seriam bem maiores e com menos sofrimento e despesas em oficinas mecânicas que nos exploram e muito, mas infelizmente esse financiamento pra comprar um caminhão gerente de banco não liberaram mas para as transportadoras comprar eles liberam a quantidade que elas quiserem, sai e o fim da picada, deveria haver um limite para as empresas se elas quiserem que usem o próprio financiamento e não o do governo. Aí fica a minha indignação. Quem sabe um dia isso vai acontecer

      Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!