Montadora chinesa desenvolve cavalo-mecânico movido a metanol

A montadora chinesa Geely, empresa dona de marcas como Volvo Cars e que possui participação na Volvo Trucks e na Daimler, acaba de apresentar na China sua nova marca, a Yuan Cheng Auto, que foi criada há três anos e no mês passado foi revelada oficialmente, junto com o caminhão M100, movido a álcool metílico, conhecido como metanol. O novo caminhão tem três variantes, chamadas de padrão, montanha e regional.

O metanol é um combustível obtido de várias fontes, incluindo carvão mineral, gás natural e até pela reciclagem do dióxido de carbono. Desenvolvido inicialmente para a China, o caminhão dá um passo na frente de outras opções de veículos que não usam diesel. Atualmente a maioria das montadoras investem em tecnologias de motores a gás ou elétricos.

LEIA MAIS  Caminhão é flagrado com quase o dobro do peso máximo permitido em Garanhuns-PE

Apesar da marca ser nova, o desenvolvimento do trem-de-força a metanol começou há quinze anos. De acordo com a Geely, apesar da tecnologia ser nova, nos testes o combustível se mostrou uma opção muito viável, e a durabilidade dos motores chega a ser superior à do diesel.

O motor do caminhão Yuan Cheng Auto M100 é um Weichai, fabricado na China, e que usa tecnologias da Geely para aceitar o metanol como combustível. Esse motor tem 12,5 litros de cilindrada, com potência máxima de 460 cavalos.

De acordo com dados da Geely, o motor a metanol é 18% mais econômico que um motor a diesel similar. Em dinheiro, a economia pode ser de mais de 7 mil dólares anuais, se o caminhão rodar mais de 150 mil quilômetros no ano.

LEIA MAIS  Grupo Volvo ultrapassa marca de 1 milhão de veículos comerciais conectados

Além da questão financeira, o metanol é muito mais limpo que o diesel, e o caminhão atende ao padrão Euro 6.

Por fora, o modelo é bastante futurista, com design limpo, com faróis pequenos e linhas fortes. Completam o design as saias laterias e o defletor de ar da cabine, que aumentam bastante a aerodinâmica do modelo.




Um comentário em “Montadora chinesa desenvolve cavalo-mecânico movido a metanol

  • 03/05/2019 em 12:18
    Permalink

    Aqui no BR já tivemos os Dodge e Chevrolet movidos à álcool na década de 80, tinha até trator. O duro é acreditar em caminhão desse País com o Sino Truck de amostra.

Fechado para comentários.