PRF faz operação para coibir tráfego de caminhões em horário proibido na Ponte Rio-Niterói




Na manhã de quinta-feira (18), a Polícia Rodoviária Federal (PRF) fez uma operação para coibir o tráfego de caminhões em horário proibido na Ponte Rio-Niterói. A blitz aconteceu próximo ao pedágio, no sentido Rio de Janeiro. Foram autuados mais de dez caminhões, por diversas infrações.

O Grupo de Fiscalização de Trânsito (GFT) da Delegacia da PRF em Niterói autuou 13 caminhões na blitz realizada na Ponte. Esses veículos estavam transitando no horário proibido no local, além disso eles foram multados por mau estado de conservação, por equipamento obrigatório ineficiente e licenciamento vencido. Dois deles foram recolhidos para o depósito e sete tiveram seus documentos recolhidos.

Houve um caminhão que cobriu a placa traseira e abaixou a dianteira para não ser identificado.

Os caminhões foram autuados pela infração média de transitar em local/horário não permitido pela regulamentação. A multa é de R$130,16 e o motorista quatro pontos na carteira.

Resolução Nº 2294 da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT)

A Resolução Nº 2294 da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) restringe o tráfego de veículos de carga na Ponte Rio – Niterói de acordo com a quantidade de eixos. Caminhões “toco” (dois eixos) estão proibidos de passar pela Ponte das 4h às 10h da manhã, somente no sentido Rio de Janeiro, de segunda a sexta-feira. No sentido Niterói não há restrição de horário para passagem.

Enquanto os “truck” ou “trucados” (três ou mais eixos) não podem transitar na rodovia das 4h às 22h, em ambos os sentidos e dia da semana – e independentemente da carga ou da suspensão de um dos eixos.