Roubo de cargas cai 38% nos três primeiros meses do ano

O roubo de cargas caiu 38% no país no primeiro trimestre do ano. Entre janeiro e março foram registradas 3.680 ocorrências de roubos de cargas, contra 5.938 registradas no mesmo período de 2018.

Os dados foram apresentados pelo Sistema Nacional de Informações de Segurança Pública, Prisionais, de Rastreabilidade de Armas e Munições, de Material Genético, de Digitais e de Drogas (Sinesp), que faz parte do Ministério da Justiça.

Os números ainda apontam uma queda acentuada em outros tipos de crime, que ficaram 41% menores no caso de roubo a instituições financeiras, 30% do roubo de veículos, 23% no roubo seguido de morte (latrocínio), 22% nas taxas de homicídio doloso, 12% no furto de veículos, 11% em tentativas de homicídio e 5% de diminuição nos registros de estupro.

De acordo com o Sinesp, a tendência da criminalidade é de uma contínua redução. Esses dados são registrados pelo Sinesp de acordo com os boletins de ocorrência registrados nos estados.