Quem tem que ganhar dinheiro com serviços de frete é quem transporta e não os atravessadores

A Câmara, felizmente, excluiu do texto da Medida Provisória 881/2019 (PLV 17/2019) o Documento Eletrônico de Frete (DT-e). Tivesse permanecido a proposta de criação de mais um documento, sem eliminar os demais, ao contrário da “boa intenção” do governo, estaríamos colocando, e não retirando, mais um encargo no cangote do transportador rodoviário de cargas.

O que o setor precisa é da eliminação de atravessadores: do vale-pedágio, do RNTRC, do CIOT, do Sem Parar, do Exame Toxicológico, de AET’s desnecessárias, do exagerado nº de Licenças para Transporte de Produtos Perigosos e tantos outros.

LEIA MAIS  Governo discute novas linhas de créditos para caminhoneiros

Lamentavelmente, não vemos nenhuma iniciativa, nem por parte do governo, nem por parte do próprio setor (muitas vezes beneficiário e usuário dessas aberrações), para acabar com essas verdadeiras jabuticabas brasileiras.

Em vez de perder tempo da categoria e do país tentando construir castelos de areia como tabelas de frete, o setor precisa focar na redução de custos com a eliminação do grande número de atravessadores, de empresas que não têm nada a ver com transporte, mas ganham dinheiro, sugam os minguados resultados da prestação de serviços de frete.

LEIA MAIS  Suspensys desenvolve módulo de tração auxiliar para carretas apresentado pela Randon

Artigo de Guia do TRC




24 comentários em “Quem tem que ganhar dinheiro com serviços de frete é quem transporta e não os atravessadores

  • 17/08/2019 em 15:48
    Permalink

    Tem que acabar com transportadora que não tem caminhão mais trabalhar exprorando o certo agido como atravesado

  • 17/08/2019 em 14:15
    Permalink

    No resumo ,estamos sendo enganados mais uma vez,estão fingindo preocupação e nós trabalhando tomando prejuízos cada vez maior. Já estou descrente de tudo isso,infelismente.

  • 17/08/2019 em 11:44
    Permalink

    Se você quer mesmo acabar on os atravessadores e ter uma livre negociação
    Dá o direito do autônomo carregar direto da industria sem passar por transportadora pelo número da ANTT faz a cobrança dos impostos

  • 17/08/2019 em 08:24
    Permalink

    Deixa de demagogia pela seu relato você quer enganar quem com este papo de engana bobos pois tá na cara que você é um dos contra a categoria só de você apoiar o fim da única fôrma de acabar com os atravessadores que era a medida provisória. 881 do manifesto único e eletrônico aí sim com ele teríamos sim um grande avanço de décadas de exploração e você vem dizer que ela era ruim você se entregou porque só ela foi tirada e mentira sua ela não cobrava nada da gente é sim dos embaixadores e matava o atravessadores deixa de historinha meu caro vocês acham que tão lidando com moleques só pode tenha mais respeito se não tem nada a favor então fique quieto

  • 17/08/2019 em 08:13
    Permalink

    INFELIZMENTE É SÓ BLÀ BLÀ BLÀ, O GOVERNO NÃO FAZ NADA PARA NOS AJUDAR COM AS ALTAS COMISSÕES COBRADAS POR EMPRESAS, ATRAVESSADORES E OUTROS, SE REALMENTE O GOVERNO QUISER ELE E SOMENTE ELE PODE CONSERTAR ISSO !!!!!!

  • 17/08/2019 em 06:34
    Permalink

    Votamos no Bolsonaro sera que ele esqueceu. Confiamos nele por um brazil melhor mas ate agora o que ele fez nos .eu nao quero acreditar que estamos esquecidos

  • 16/08/2019 em 22:36
    Permalink

    Poderia ser mais claro? Quem são os atravessadores? Quem são as empresas que não tem nada haver com o setor e ganham com isso ? Eu só gestor comercial em uma transportadora que atende todas as normas da ANTT, tem 25 pais de família trabalhando , seguro de 1.5 milhão, paga impostos, somos o que ? Quem são vcs que dizem isso ?

    • 17/08/2019 em 08:39
      Permalink

      Concordo com você todos que tão falando isto tá na cara que nem de bicicleta entende tão dando palpite pergunte a eles oque era e oque significa a placa 881 para que serviria e porque foi a única excluída aí o cara vem dizendo que era do mais um papel a mais mentira dele foi a bancada do agronegócio que tirou ela

  • 16/08/2019 em 14:38
    Permalink

    Vocês só esqueceram de comentar que os maiores atravessadores são as transportadoras, que ficam com todo o lucro do transporte que deveria ficar com o transportador. Todos os demais quase não fazer diferença comparando com o que fica com a transportadora. O governo deveria trabalhar uma proposta onde o embarcador pudesse ,até mesmo com algum tipo de incentivo fiscal, contratar o serviço de frete direto com o transportador, desta forma, poderiam ter um custo menor no transporte por estar pagando direto para o transportador, eco transportador por sua vez estaria recebendo mais do que a transportadora lhe paga. O embarcador já paga tudo, seguro, monitoramento, pedágio, imposto… As transportadoras recebe tudo isto do embarcador e ainda cobra do transportador descontando do frete do transportador pedágio, seguro…

  • 16/08/2019 em 14:07
    Permalink

    O blog passando um pano para cnt
    Dt-e sim para expor o gordo frete das maiores transportadoras
    A lógica do país e que os menores sirvam de mão de obra barata para alimentar os grandes
    Isso não é concorrência isso é selvageria cadeia alimentar onde os maiores devoram os pequenos querem um país justo mas que continua a exploração dos maiores em cima dos menores
    O direito à uma melhor condição e tomado a força não espere ajuda ou bom senso de quem são nossos algozes

  • 16/08/2019 em 11:59
    Permalink

    Isso msm acabar com atravessadores

  • 16/08/2019 em 11:39
    Permalink

    Teria que acabar também com esses cursos que só servem para encher os bolsos de alguns, cursos como transporte de escolar, transporte de passageiros, de cargas perigosas, isso não serve para nada ao motorista, só atrapalha e perde tempo, antigamente não existia esses cursos e se trabalhava tranquilo…

  • 16/08/2019 em 09:45
    Permalink

    Bem isso mesmo.

  • 16/08/2019 em 08:49
    Permalink

    Até que enfim enchergaram onde fica o lucro do caminhoneiro, ten que terminar com esses atravessador estão ficando rico nas costas de um povo sofrido e trabalhador.

  • 16/08/2019 em 08:41
    Permalink

    Concordo que o exame toxicológico não deve acabar e deveria ser diferente, sendo implantado nas rodovias em Barreiras e fiscalizações e não de 5 em 5 anos como e hj.
    Fica muito fácil um caminhoneiro ficar 90 sem usar drogas e fazer o exame, depois ele terá novamente 4 anos e 9 meses para usar livrimente. Nesse modelo o exame toxicológico é somente mais uma forma de estoquir dinheiro.

    • 16/08/2019 em 11:26
      Permalink

      Mais quem usa drogas não consegue passa noventa dias sem consumir a maldita . Mais séria uma boa ideia fazer o teste nas rodovias mais não será possível porque só acusa se o cara usou com exames laboratoriais .

      • 16/08/2019 em 14:25
        Permalink

        Não precisa, é só pagar 200 a mais no teste que passa.

  • 16/08/2019 em 08:38
    Permalink

    Realmente tem que acabar com esses atravessadores ingratos ainda além de tudo,te um pouco de atenção enquanto esta negociando o frete daí vc chega no cliente descarrega envia as fotos dos comprovantes e acabou não lembra nem que vc existe mais ,pra receber o saldo é um Deus nos acuda , isso quando não encontramos aqueles que até para fazer o adiantamento do frete faz nois passar Raiva, ta difícil façam alguma coisa por nois pelo amor de Deus ……

  • 16/08/2019 em 08:07
    Permalink

    Concordo plenamente pra acabar com atravessadores. Mas exame toxicológico tem que ter, pois tem muitos irresponsáveis. O motorista em um todo, ele tem de ter consciência que está sentado em cima de uma arma bastante perigosa, pois pode ceifar vidas inocentes em questão de segundos, inclusive a dele.

  • 16/08/2019 em 07:14
    Permalink

    Concordo plenamente todos querem levar vantagem dos caminhoneiros mas ninguém quer passar pelo q passamos

  • 15/08/2019 em 23:57
    Permalink

    Finalmente alguém tocou na verdadeira sangria do setor tão importante para o Brasil!

    • 16/08/2019 em 00:43
      Permalink

      Tem que acabar com esses agenciadores que ganham mais do que os caminhoneiros

  • 15/08/2019 em 21:37
    Permalink

    E uma pura verdede chega de atravesador faca como um uber

Fechado para comentários.