Caminhoneiros que transportam rochas dão trégua na greve após 3 dias de paralisação

Caminhoneiros do Espírito Santo que trabalham no transporte de rochas ornamentais iniciaram, na última segunda-feira, uma paralisação por melhores condições de trabalho e padronização da fiscalização do transporte das rochas.

Ontem, 14 de agosto, após uma reunião entre as lideranças dos caminhoneiros, a Polícia Rodoviária Federal e o Ministério Público do Espírito Santo, os caminhoneiros decidiram dar uma trégua na paralisação, por sete dias.

Na reunião, que aconteceu na Superintendência da PRF do estado, os caminhoneiros conseguiram um acordo em que o MP disse que irá analisar as reivindicações dos caminhoneiros e dar um parecer sobre o caso. A próxima reunião deve ocorrer no dia 21 de agosto.

Os caminhoneiros paralisaram suas atividades em pelo menos seis pontos do Espírito Santo. Por três dias, praticamente todo o transporte de rochas do sul do Espírito Santo ficou paralisado.




Deixe sua opinião sobre o assunto!