F-4000 é o último caminhão a sair da linha de montagem da Ford em São Bernardo




Acabou ontem a produção de caminhões da Ford em São Bernardo do Campo. A montadora anunciou em fevereiro, por meio de nota, que estava finalizando a produção de caminhões no Brasil, que seguiria até outubro, e iria parar completamente a produção e venda de caminhões na América Latina. Junto com os caminhões, foi encerrada a produção do New Fiesta.

Na linha de montagem, ontem, haviam apenas oito unidades da F-4000 para serem finalizadas. Faltava somente a instalação dos pneus nos veículos. A última unidade finalizada foi uma F-4000 4×4, com sequência de produção 1316. Ela terminou de ser montada perto das 13 horas.

O modelo é equipado com motor Cummins ISF 2.8L, entrega 150 cavalos de potência e torque de 360 Nm. O câmbio é Eaton, modelo FSO 4505 D, manual de cinco marchas. A capacidade de carga é de 3.949 kg, com PBT de 6.800 kg.

Essa unidade, branca, foi fotografada por um dos trabalhadores, Luiz Gustavo Marcondes Bernard, mostrando o restante da linha de montagem vazia. No últimos meses, até o maquinário da fábrica já estava sendo retirado.

A fábrica funcionou por 52 anos. Desde 1967, produziu veículo de passeio e caminhões, dos modelos mais variados. Atualmente, produzia as linhas Cargo, Série F e New Fiesta.

Desde fevereiro, a Ford vinha dispensando funcionários. Cerca de 1.200 já haviam sido demitidos. Agora, outros 650 que ainda estavam trabalhando serão dispensados.

Apesar de muita negociação, a CAOA não conseguiu finalizar a compra da fábrica da Ford. De acordo com fontes próximas ao negócio, ainda estão sendo negociados alguns detalhes, e o negócio pode ser fechado nos próximos dias.

Especula-se que a Caoa utilize a fábrica para produzir caminhões Ford sob licença ou montar caminhões da Hyundai e Changan. Não existem informações oficiais sobre o assunto.

Na Turquia existe uma operação de fabricação de caminhões que leva o nome da Ford, mas é um Joint Venture com a Otosan, que administra o negócio.





14 comentários em “F-4000 é o último caminhão a sair da linha de montagem da Ford em São Bernardo

  • 31/10/2019 em 21:32
    Permalink

    Não sabe fazer caminhão

    Resposta
  • 31/10/2019 em 20:36
    Permalink

    A Ford fechou a fábrica de caminhões depois de 52 anos. A fábrica do Ipiranga fechou e está desativada até hj.

    Resposta
  • 31/10/2019 em 19:46
    Permalink

    Isso é o que acontece Quando sidicatos criminosos perseguem empresas e colocam empregados contra patrões, bem feito, agora vão ter tempo pra pensar nas graves absurdas que fizeram, o Brasil tem mais sindicato que empresas produzindo

    Resposta
    • 01/11/2019 em 00:06
      Permalink

      Disse tudo …o q muitos não sabem. Parabens…

      Resposta
  • 31/10/2019 em 16:51
    Permalink

    Os países que investem no Brasil aí daumaforça não deixaste sonho acabar. E sem falar quantas pessoas ficar sem emprego e uma judiação uma notícia desta😩😩

    Resposta
  • 31/10/2019 em 16:29
    Permalink

    Tenho pena dos funcionários e dos consumidores que ficam a ver navios, a Ford é especialista nisso, já deixou inúmeros consumidores em situação desesperadora com aqueles beberrões e barulhentos Ford FT-8000 e muitos outros dessa marca que foram encerradas pelo simples interesse da montadora!
    Isso nos faz ficar mais atentos com montadoras que encerraram produção de caminhões no Brasil sem nenhum respeito com aqueles que confiaram na marca e depois foram simplesmente abandonados.
    Isso serve-nos de alerta, ao comprar um caminhão, principalmente nós que somos autônomos e só temos esse como ganha pão, verificar o passado dessas empresas, se elas já encerraram a fabricação uma vez; quem garante que não fará novamente? Quando quer te conquistar e vender um bem durável como é o caminhão, te oferecem até lotes na lua com rua asfaltada, depois que compra te abandonam totalmente e ainda pensam que você é uma pedra de tropeço para eles.
    Eu estive quase concretizando uma compra do FORD FT-8.000, e só não o fiz por desconfiar que algo errado estava pairando no ar, acabei por comprar um MBB-1113 que só me deixou boas lembranças além do lucro para comprar um novo caminhão!
    Portanto, pesquisem e vejam o passado do fabricante do “bruto” que você deseja e só assim entre no negócio e seja feliz!

    Resposta
    • 31/10/2019 em 16:49
      Permalink

      Muito drama , ate parece que a ford não esta no mercado a décadas, povo cheio de chilique , a empresa deixou de dar lucro , fexou, pronto , simples , e se continuar com as relações trabalhistas como estão, outras fecharão, elas só continuam por terem isenções e incentivos fiscais , quando eles acabam. O prejuízo é certo.

      Resposta
      • 31/10/2019 em 20:39
        Permalink

        Com certeza, a Ford fechou pq não dava dando mais lucro e as vendas de caminhões estavam despencando

  • 31/10/2019 em 14:33
    Permalink

    E uma pena que uma montadora do porte da Ford tenha fechado muitos pais de família desempregado e de se lamentar se o governo se enteresase isso não teria acontecido.

    Resposta
    • 31/10/2019 em 16:43
      Permalink

      Q q o governo tem a ver com isso ?? Queriam que o governo desse isenções fiscais pra Ford continuar ??? O levou a Ford a fechar a planta foram os encargos trabalhistas, esses ninguém quer mexer .

      Resposta
  • 31/10/2019 em 14:25
    Permalink

    É uma pena os funcionários demitidos! E como fica os proprietários de caminhões Ford e carro New fiesta sobre peças de reposição e desvalorização do bem?

    Resposta
  • 31/10/2019 em 14:00
    Permalink

    E uma pena, a decisão da Ford tirando de linha um bom produto, e diminuindo a concorrência.

    Resposta
  • 31/10/2019 em 12:32
    Permalink

    Que pena primeiramente pelos trabalhadores e pela renda que a cidade deixa de girar e pelo caminhão de ótima qualidade o meu 1933 já está com 730.000km e sem nenhum problema grave parabéns aos funcionários pela dedicação.

    Resposta

Deixe sua opinião sobre o assunto!