Scania vai iniciar produção de caminhões na China

por Blog do Caminhoneiro

A Scania anunciou planos importantes para sua estratégia de crescimento global. A montadora sueca, que faz parte do Grupo Traton, anunciou hoje que irá iniciar a produção de caminhões na cidade de Rugao, na província de Jiangsu, a 150 km de Xangai, com previsão de início em 2022.

“Nossa expansão na China será feita passo a passo e em ritmo com o desenvolvimento positivo das condições de mercado e a crescente demanda por veículos modernos com maior conteúdo de tecnologia que se seguirá. Até o final da década de 2020, faremos investimentos significativos para nos beneficiar desse desenvolvimento, bem como para estabelecer a China como a terceira etapa em nossa estrutura de produção global”, disse o presidente e CEO da Scania, Henrik Henriksson.

Para a Scania, o avanço da China em direção a um mercado mais aberto foi decisivo para essa decisão. A China tem aberto oportunidades para empresas estrangeiras abrirem operações no país, visando aumentar a concorrência, e também contribuindo para aumento da qualidade dos produtos e de práticas de sustentabilidade.

“Aumentar a presença no mercado chinês é crucial para o crescimento global da Scania e do Grupo Traton. Nossas operações no país serão gradualmente expandidas e desenvolvidas em uma unidade em grande escala na produção global da Scania e na estrutura de fornecedores. O objetivo não é apenas fazer da China nossa terceira etapa industrial, mas também um centro regional de vendas para outros mercados asiáticos”, diz Henriksson.

Avanço tecnológico

Além da linha de produção de caminhões no país, a Scania pretende criar um centro completo de Pesquisa e Desenvolvimento, visando desenvolver produtos e tecnologias exclusivas para o mercado chinês e de países próximos.

“Isso fortalecerá a competitividade internacional e a capacidade da Scania de ser líder em transporte sustentável, já que nossa presença oferece maior acesso às tecnologias de ponta e especialização em áreas como veículos elétricos e autônomos”, completou Henriksson.

Maior mercado

A China é o maior mercado consumidor de caminhões, representando 40% das vendas globais, na casa dos milhões de unidades todos os anos. Na China, o domínio do mercado é de montadoras locais e estatais, mas os transportadores tem demandado cada vez mais caminhões com melhor desempenho, tecnologia, disponibilidade e qualidade, voltados à operações logísticas mais eficientes e sustentáveis.

Até o final deste ano, a Scania pretende vender, pelo menos, 12 mil unidades, todas importadas. Esse número é semelhante às vendas da Scania no Brasil, que atualmente é o maior mercado único da montadora.

Compra de empresa

Para estabelecer a operação na China, a Scania adquiriu a Nantong Gaokai Auto Manufacturing Ltd., empresa com práticas semelhantes às da Scania em relação ao ambiente de trabalho, desempenho ambiental e qualidade em todas as etapas da cadeia de produção.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

1 comentário

Luciana Fortunato Ferreira 25/11/2020 - 19:59

Scania melhor caminhão do Brasil Deus mim deu a oportunidade de possuir um mais infelizmente numa sociedade perdi scania mais meu sonho não para por aqui não Deus no controle vou ter minha Scania de novo meu filho de 9 ano paixão dele carreta Scania ele não conforma nós ter perdido a carreta Scania marca registrada em nossas vidas em nossos corações.

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!