CNH Industrial confirma negociação para venda da Iveco ao grupo chinês FAW

por Blog do Caminhoneiro

A agência de notícias Reuters divulgou informações que obteve da CNH Industrial, onde a empresa afirmou que negocia a venda da montadora de caminhões Iveco para o grupo chinês FAW Jiefang. No ano passado, as negociações entre as duas empresas havia sido canceladas.

Um dos porta-vozes da CNH Industrial confirmou à Reuters que as negociações ainda são preliminares, e que nenhum acordo ou previsão de acordo foi alcançado até o momento. Essa fonte também afirmou que mais informações serão dadas em breve, visto que as empresas tem ações na bolsa.

No ano passado, o Grupo FAW Jiefang ofertou cerca de US$ 3,7 bilhões pela Iveco, mas o conselho da CNH Industrial avaliou que o valor estava baixo para dar segmento às tratativas do negócio.

De acordo com a Reuters, para o Grupo CNH Industrial, a venda da Iveco significaria o aumento do seu valor de ativos e a simplificação dos negócios.

Para o Grupo FAW, que produz diversos modelos na China, comprar a Iveco seria um primeiro passo para a expansão dos negócios para todo o mundo.

Além de comprar 100% da Iveco, o Grupo FAW pretende comprar parte da FPT, como estratégia de negócio. Todos os modelos Iveco usam motores FPT.

Outras empresas chinesas também estão interessadas na Iveco. Outro grupo que fez oferta pela empresa em 2020 foi o conglomerado industrial chinês Shandong Heavy Industry Group. De acordo com as informações obtidas, o valor ofertado por esse grupo foi de US$ 5,5 bilhões.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

7 comentários

Paulo sério da silva 09/01/2021 - 14:01

Pessoal tá mal informado que na China só se fabrica porcaria, tem produtos pra todos bolsos,imagina se um grupo pagará 4 bilhões de dólares pra depois colocar mercadoria de má qualidade no mercado onde a volvo Scania Daf Mercedes Benz,cada vez querem melhorar pois podem ter certeza chinês e igual turco não aposta pra perder, o caso sinotruck foi um fiasco porque a empresa não como atender uma nação tão grande como Brasil de emediato sem ser engolida pelas gigantes do setor se nem a Ford aguentou foi embora depois de patinar no mercado 50 anos

Reply
Jhony torres 08/01/2021 - 15:57

Queta moço!! Kkkkk
O que era bom vai ficar ainda melhor.
Só que não.😃

Reply
Dori 08/01/2021 - 11:26

Só o que faltava, uma merda chinesa comprando a Iveco, peças pra reposição vai ficar muito mais baratas, mas a qualidade vai cair demais, eu particularmente não concordo com essa venda, aí posso vender meu strallis, infelizmente.

Reply
Claudimar Gaioti 08/01/2021 - 08:40

Agora já era a qualidade vai cair muito do Iveco

Reply
DIOGO SOCCOL 07/01/2021 - 22:36

Só falta isto para acabar com a marca

Reply
branquinhokeni 07/01/2021 - 20:01

Já não bastava o sinotruk agora vai vim o sinoveco

Reply
Celestino Gonçalves Filho 07/01/2021 - 14:30

Será uma falácia que a China quer ser a primeira economia do mundo. Sabemos hoje que a manutenção de alguns carros custa caro porque as peças vem da China. e são de qualidade duvidosa. A Iveco nas mãos deles pode ser uma faca de dois legumes e eu não torço por eles.

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!