Estados Unidos consome mais de 25 bilhões de litros de diesel e gasolina por ano em veículos parados

por Blog do Caminhoneiro

Mesmo sem rodarem nenhum quilômetro, milhões de veículos nos Estados Unidos consomem quantidades enormes de combustível em marcha lenta. Os números foram divulgados pela Tennessee Clean Fuels, mostrando que os motoristas deixam os veículos funcionando por longos períodos, apenas para manter o sistema de ar-condicionado funcionando e as baterias com carga.

Os 25 bilhões de litros de combustível usados por esses veículos parados poderiam ser suficiente para rodar até 80 bilhões de quilômetros a mais todos os anos. E, apesar do preço do combustível ser baixo no país, algumas iniciativas buscam minimizar esse consumo.

A empresa IdleAir instala sistemas de ar-condicionado central para transportadoras e em paradas de caminhões por todos os Estados Unidos. O sistema consiste em um suporte aéreo com mangueiras, que são colocadas nas janelas dos caminhões, e o caminhoneiro pode usar ar quente ou frio, dependendo do clima local, pagando muito pouco.

A empresa Covenant Transport é uma das que já estão usando dezenas de baias de ar-condicionado para seus caminhoneiros. Com o uso do sistema, centenas de motores de 400 a 500 cavalos de potência passam a noite desligados, e, além da redução da emissão e poluentes e dos custos, os motoristas tem mais qualidade de sono, já que dormem em silêncio.

Apesar do sistema já estar disponível há mais de uma década em dezenas de locais nos Estados Unidos, as empresas tem dificuldade em mudar a cabeça dos motoristas. A maioria prefere usar o ar-condicionado do caminhão, principalmente porque o valor do diesel não sai dos bolsos deles.

No caso das baias de ar-condicionado central, o motorista paga alguns dólares por noite. Um caminhão funcionando em marcha lenta consome de 3 a 5 litros de diesel por hora.

Sem marcha lenta

Os motores dos caminhões ficam ligados, muitas vezes, em rotações bem acima da marcha lenta normal do veículo. De acordo com os caminhoneiros norte-americanos, a prática se deve ao fato da rotação mais alta lubrificar melhor o motor do caminhão, evitando problemas.

Treinamento

A Covenant Transport, que investe no sistema desde 2015, ainda treina os motoristas para utilização do sistema e para deixar os caminhões desligados durante a noite. A empresa tem mais de 2.500 caminhões, operando nos Estados Unidos, Canadá e México.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!