Volkswagen suspende produção de caminhões devido ao agravamento da pandemia

por Blog do Caminhoneiro

Visando reduzir a circulação de pessoas e ajudar na contenção da pandemia do covid-19, a Volkswagen Caminhões e Ônibus decidiu paralisar temporariamente a produção de caminhões e ônibus VW e MAN em sua fábrica de Resende-RJ.

A Volkswagen é a quarta montadora de caminhões a suspender a produção no Brasil pelo agravamento da pandemia. Volvo, Scania e Mercedes-Benz haviam anunciado a paralisação durante essa semana.

A paralisação na Volkswagen irá ocorrer entre 29 de março e 4 de abril, afetando apenas as linhas de montagem dos veículos. Serviços de manutenção e peças não serão afetados.

Veja a nota da montadora na íntegra

A Volkswagen Caminhões e Ônibus, tendo em vista as medidas de contenção da pandemia da Covid-19 tomadas pelas autoridades municipais e estaduais do Rio de Janeiro e de São Paulo, e também em virtude da situação crítica de desabastecimento de peças, interromperá a produção em sua fábrica de Resende (RJ) de 29 de março a 4 de abril.

Desde a retomada de suas atividades após a primeira onda da pandemia em 2020, a montadora adotou rigorosos protocolos que obedecem a todas as normas sanitárias para proteger seus colaboradores e familiares. Além disso, promove campanhas permanentes sobre prevenção à doença, doou alimentos a caminhoneiros e ainda colabora com a doação de protetores faciais feitos pela fábrica para servidores e profissionais de saúde do Sul Fluminense.

Dado o caráter essencial de suas atividades, a empresa manterá os serviços de atendimento à sua rede de concessionários e de suporte aos clientes, garantindo os serviços necessários para a continuidade do transporte de cargas e de passageiros em todo o país. O expediente em escritórios estará reduzido ao mínimo possível.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!