Caminhoneiros do Paraguai entram em acordo com o governo e encerram greve

A greve de caminhoneiros no Paraguai foi encerrada nesta semana, após a assinatura de um acordo entre o sindicato dos motoristas e representantes do governo, que se comprometeram a atender algumas das reivindicações.

Rodovias do Paraguai registraram diversos pontos de paralisação nos últimos 20 dias por causa do movimento grevista, que teve impactos, inclusive, no Brasil.

O acordo com o governo paraguaio prevê que os caminhoneiro tenham o valor do frete aumentado em 3%, em média, com valores variando pelo peso da carga transportada e distância percorrida, além de uma redução de impostos, para compensar as altas no valor do diesel. Essas medidas vão valer por 60 dias.

Os protestos foram organizados pela Federación Nacional de Camioneros, que pedia um sistema de controle de preços dos fretes, algo como a Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas, em vigor no Brasil desde 2018.

Para a federação, a medida iria regularizar o preço do frete no país, considerado altamente defasado. O reajuste pedido é de 25%, em media.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Siga o Blog do Caminhoneiro nas redes sociais

Deixe um comentário!

Conheça a rodovia mais longa do Brasil Velho caminhão americano é transformado em carro de passeio muito estiloso Você sabia que o 1° FNM produzido no Brasil era bicudo Conheça os coloridos caminhões do Paquistão Chevrolet C68 é transformado em monstro rat rod