Novos Kenworth T680 recebem câmeras nos retrovisores

Sem perder os espelhos tradicionais, que só diminuíram de tamanho, os novos Kenworth T680 podem receber, como opcionais, os novos Digital Mirror System, que além da melhoria da visibilidade para o motorista, garantem 1,5% de redução no consumo de combustível, pelo menor arrasto aerodinâmico.

De acordo com a Kenworth, as telas, fixadas nas colunas A da cabine com alta definição de imagem, ficam em uma posição mais fácil de ver que os espelhos tradicionais, e mantém os olhos do motorista mais próximos da estrada.

Além disso, as câmeras são móveis, função especialmente útil durante manobras em marcha-à-ré, quando a câmera detecta automaticamente a posição da carreta e muda a posição para que o motorista sempre tenha visão da manobra.

O espelho retrovisor direito recebe duas câmeras, para reduzir os pontos cegos dessa área da cabine, e as câmeras contam com sensores infravermelhos, mantendo a imagem perfeita mesmo à noite, com neve ou neblina. As câmeras também são hidrofóbicas, repelindo gotas de água, e contam com sistema de aquecimento, para desembaçamento ou derretimento de gelo.

As telas internas tem 12,3 polegadas do lado do motorista e 15 do lado do passageiro, e tem sensores que ajustam automaticamente o brilho. Quando escurece, a imagem fica com brilho menos intenso, para não ofuscar o caminhoneiro.

As telas permitem visão normal ou convexa, e, com a combinação das câmeras, o motoristas tem uma visão panorâmica da lateral do veículo. Caso o motorista precise regular a posição das câmeras, o controle fica na porta direita, que também conta com um botão para salvar a imagem, caso seja necessário.

Apesar de toda a tecnologia, o caminhão não perdeu os retrovisores tradicionais, que foram encolhidos. Normalmente, outros caminhões são equipados apenas com hastes que tem as câmeras, muito menores, e instaladas no topo da cabine.

Rafael Brusque- Blog do Caminhoneiro

Siga o Blog do Caminhoneiro nas redes sociais

Deixe um comentário!

Conheça a rodovia mais longa do Brasil Velho caminhão americano é transformado em carro de passeio muito estiloso Você sabia que o 1° FNM produzido no Brasil era bicudo Conheça os coloridos caminhões do Paquistão Chevrolet C68 é transformado em monstro rat rod