Scania apresenta novo modelo 45R totalmente elétrico

A Scania anunciou hoje o lançamento de uma nova linha de caminhões elétricos, batizada de 45R ou 45S, dependendo do tipo de cabine. Os novos caminhões são indicados para o transporte de longas distâncias, e contam com baterias de até 624 kWh, com alta potência e zero emissões de poluentes durante sua operação.

“Esta introdução representa um marco importante para nós e para nossos parceiros. Agora estamos aumentando nosso alcance em todas as dimensões, oferecendo novas oportunidades para uma vasta seleção de clientes e todo o ecossistema de transporte. Esses caminhões fazem parte de soluções que contêm todas as capacidades que uma indústria de transporte que anseia por eletrificação está pedindo”, diz Christian Levin, CEO da Scania.

Os novos modelos são construídos nos mesmos pilares da linha tradicional da Scania, como modularidade, sustentabilidade e economia operacional total, além da potência igualar, ou até mesmo exceder a de caminhões similares a diesel.

“A adição dessas soluções ao portfólio da Scania é uma grande mudança para os clientes que desejam assumir o controle. Estamos facilitando uma transição para nossos clientes, incluindo valores importantes para o cliente, como uma parceria próxima e zero emissões”, diz Fredrik Allard, vice-presidente sênior e chefe de eletrificação da Scania.

A Scania destaca que a autonomia dos novos caminhões vai variar conforme o tipo de chassi, implemento e rotas de operação, mas um cavalo mecânico 4×2 engatado em um baú pode rodar por até 350 quilômetros, a 80 km/h, em estradas convencionais, antes de necessitar uma recarga. Os novos caminhões são mais adequados para o transporte em rotas fixas, onde já estão previstas paradas para carregamento.

“A Scania atingiu agora uma maturidade favorável em relação à nossa oferta eletrificada. Com esta grande adição aos nossos híbridos existentes e aos elétricos a bateria para distribuição urbana que introduzimos em 2020, agora podemos oferecer um portfólio sustentável e multifacetado de soluções de emissão zero para nossos clientes”, diz Allard.

A oferta inicial será de modelos 4×2 como cavalos mecânicos, ou rígidos, com tração 6×2/4. Para poder contar com 6 baterias, o entre-eixos precisará ser de 4.150 mm, aproveitando as novas regulamentações para o tamanho dos cavalos mecânicos na Europa.

A capacidade de carregamento é de até 375 kW, o que significa que uma hora de carregamento adicionará cerca de 270 a 300 km de alcance. Os novos Scania 45R ou 45S tem potência de 410 kW, o equivalente a 560 cavalos, com peso bruto total de 56 toneladas.

As vendas serão iniciadas imediatamente, mas as primeiras entregas só serão feitas no final de 2023.

“Enfrentar os desafios globais de emissões de CO2 significa que todos nós precisamos produzir e consumir de novas maneiras. Reduzir, reutilizar e reciclar sempre foi importante para a Scania. A única coisa que nos separa de uma grande transição para um sistema de transporte livre de combustíveis fósseis baseado em soluções eletrificadas é uma infraestrutura de carregamento completa, mas também estamos vendo um grande progresso”, diz Levin.

Deixe um comentário!

Conheça a nova série especial da Scania O Royal Eagle é um Scania 143 como você nunca viu T112MC – Scania desenvolveu modelo exclusivo para a Nova Zelândia Você lembra do seriado “As Aventuras de BJ” nos anos 1980? Caminhões chineses são equipados com cabine de modelo da década de 1970