Librelato atinge metas e antecipa pagamento de PPR

Mais de 1.600 funcionários da Librelato irão receber a primeira parcela do Programa de Participação nos Resultados (PPR) ainda em julho. A empresa anunciou que já conseguiu cumprir uma parte das metas estabelecidas para 2022, o que adiantou o pagamento do PPR.

José Carlos Sprícigo, CEO da empresa, enfatizou a importância da participação dos profissionais da Librelato para que a empresa pudesse chegar a esse resultado. Segundo ele, “o bom desempenho se deu graças às sugestões recebidas para melhoria dos produtos e processos”. Ideias e inovações chegaram à direção da empresa por meio do programa “Acelera Librelato”, que visa o estreitamento das relações com seus profissionais, além de estimular o potencial criativo, o trabalho em equipe, iniciativa, participação, integração e a comunicação interna.

Sprícigo cita como exemplo a participação do operador de corte e dobra Fernando Cardoso, que sugeriu reaproveitamento de chapas na empresa. Com a aplicação da ideia, a produtividade foi aumentada significativamente ao reduzir a sucata durante o corte de chapas.

Com um portfólio de produtos completo, a Librelato atingiu também 14% de market share em 2022 e se mantém entre as maiores implementadoras do País. A escalada por maior participação de mercado teve início em 2012, quando a marca alcançou pela primeira vez 10% de market share no Brasil, subindo para 12% em 2016 e para 12,3% em 2021.

“Aumentamos nossa participação em 2022 graças às inovações implementadas em toda linha de produtos, à reestruturação de nossa rede de representantes, aumento do portfólio e investimentos em novas tecnologias e processos de produção. A previsão é ampliar o market share para 15% em 2023”, destaca Sprícigo.

Deixe um comentário!

Projeto quer acabar com valores de fretes muito baixos Montagem de caminhões no Brasil segue em alta Uso do celular aumenta entre motoristas Rebite – Um grande vilão nas estradas Volkswagen apresenta caminhão conceito Optimus