Volvo FH ganha cópia chinesa

No Brasil, o Volvo FH da geração atual foi apresentado em 2014. De lá para cá, o caminhão conquistou os transportadores e se tornou um sucesso de vendas, sendo o caminhão mais vendido nos últimos anos com a versão de 540 cavalos. E isso não é diferente no resto do mundo.

Por isso, não é de estranhar que outras empresas tentem pegar uma carona nesse sucesso, aproveitando atributos consagrados no caminhão sueco, especialmente itens de design. Mas a montadora chinesa Dayun foi mais longe.

Está entrando em produção em série o caminhão Dayun V9, apresentado na China em 2019. O caminhão traz linhas muito parecidas com o Volvo FH, especialmente na lateral da cabine.

O perfil sueco se mantem no teto, espelhos, para-brisa e em muitos elementos do veículo. Apesar disso, a dianteira é bem diferente do FH, trazendo enormes faróis, grade em formato de X, e também mudanças sobre o para-brisa, onde as lanternas de teto são menores do que na versão Globetrotter do FH. O logotipo é uma grande estrela.

Por dentro, as semelhanças continuam. O painel tem o mesmo perfil envolvente, e diversos outros acabamentos que remetem ao FH. Apesar disso, o painel é totalmente digital, com uma grande tela, o volante multifuncional é diferente, e à direita do motorista está uma central multimidia também exclusiva.

O motor é fabricado pela Cummins chinesa, em versão de 510 cavalos de potência, que cumpre os requisitos de emissões China 6, muito semelhante ao Euro 6. A caixa de câmbio é da marca Fast, e tem 16 velocidades. O seletor do câmbio também é parecido com o I-Shift da Volvo.

Apesar das grandes semelhanças, não há nenhuma menção oficial sobre joint venture ou à Volvo ter cedido tecnologia à Dayun. Por isso, acredita-se que o caminhão seja mesmo uma cópia do FH, feito sem licença.

As vendas são exclusivas para o mercado chinês, e para alguns outros mercados da Ásia.

Rafael Brusque - Blog do Caminhoneiro

Nascido e criado na margem de uma importante rodovia paranaense, apaixonado por caminhões e por tudo movido a diesel.

Deixe um comentário!

Conheça o NIKOLA TRE movido a hidrogênio Caminhões comemorativos viram febre entre transportadoras Centenas de vagas de emprego para caminhoneiros Conheça o super caminhão futurista da Peterbilt 300 vagas para caminhoneiros brasileiros em Portugal