Delegacia da Receita Federal em Foz do Iguaçu realizará leilão de veículos apreendidos

DSC08151




A Delegacia da Receita Federal do Brasil em Foz do Iguaçu/PR informa que realizará leilão eletrônico de veículos apreendidos, conforme cronograma constante do quadro abaixo:

Fase

Data

Hora*

Início da recepção das propostas

29/09/2014

08h

Fim da recepção das propostas

13/10/2014

18h

Abertura da Sessão Pública para lances (que poderão ser ofertados pelo detentor da maior oferta na fase anterior e pelos detentores das ofertas que alcançarem pelo menos 90% desse valor)

14/10/2014

10h

As propostas deverão ser transmitidas de forma eletrônica pelos interessados, via internet, com a adoção do Sistema de Leilão Eletrônico (SLE). Na fase inicial, as propostas poderão ser ofertadas no período compreendido entre 08h do dia 29/09/2014 e 18h do dia 13/10/2014. A maior proposta e as propostas que alcançarem pelo menos 90% desse valor, apresentadas no mencionado período, disputam o lote em novos lances virtuais no dia 14/10/2014. Não havendo lances que alcancem pelo menos 90% do maior valor, este será declarado vencedor.

Serão leiloados 308 veículos divididos em 70 lotes, de diversas marcas e modelos, incluindo veículos de passeio, utilitários e uma motocicleta, que serão oferecidos nas condições em que se encontram.

Todos os veículos poderão ser examinados no período de 29 de setembro a 10 de outubro de 2014, em dias de expediente normal, no horário das 8h às 11h30 e das 13h30 às 17h30, na Rua Paulo Pontes, 700, Vila Pérola, Foz do Iguaçu/PR (rua do condomínio Maria Tereza, atrás da concessionária Citröen).

Este será o terceiro leilão eletrônico executado pela Receita Federal em Foz do Iguaçu no ano de 2014. O certame será na modalidade mista, que admite a participação simultânea de pessoas jurídicas e pessoas físicas. Todavia, dos lotes oferecidos, 58 deles possuem cinco veículos cada e dois lotes possuem quatro veículos cada. Para esses 60 lotes será admitida a participação exclusiva de pessoas jurídicas. Os outros dez lotes, com um veículo cada, poderão ser disputados por pessoas jurídicas e pessoas físicas simultaneamente.

Os valores iniciais dos lotes variam de R$ 3 mil a R$ 25 mil. Somente poderão apresentar ofertas pessoas jurídicas regularmente constituídas, inscritas no Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas – CNPJ, e pessoas físicas, maiores de 18 anos ou emancipadas, inscritas no Cadastro de Pessoas Físicas – CPF.

Não poderão participar do leilão pessoas físicas ou pessoas jurídicas que estejam cumprindo suspensão temporária de participação em licitação, impedidas de contratar com a Administração Pública ou que tenham sido declaradas inidôneas; que não observem a legislação que restringe o trabalho de menores; e pessoas físicas que exerçam cargo, função, emprego público ou qualquer outra atividade vinculada à Receita Federal. Para fazer jus à arrematação do bem, o vencedor também deve comprovar a sua regularidade fiscal.

Cabe destacar que, para participar do leilão eletrônico, é imprescindível que as pessoas físicas e os representantes das pessoas jurídicas interessadas possuam certificado digital, que pode ser adquirido junto às empresas certificadoras (a relação dessas empresas pode ser obtida na página da Receita Federal na internet).

Alternativamente, a participação no certame também pode dar-se por meio de procurador, que deve possuir certificado digital (o outorgante não necessita ter certificado digital). As instruções para constituir o procurador constam no e-CAC (ambiente de atendimento virtual disponível no sítio da Receita Federal).
Os veículos arrematados por pessoas físicas somente poderão ser destinados a uso ou consumo, vedada sua destinação para fins de comércio. Já os veículos arrematados por pessoas jurídicas poderão ser destinados a uso ou consumo e também finalidades comerciais ou industriais. A pessoa física poderá apresentar propostas para no máximo cinco lotes.

O valor do lance vencedor deverá ser pago integralmente até o primeiro dia útil subsequente à data de arrematação.

Serão de responsabilidade do arrematante todas as providências, solicitações de serviços e encargos visando o cadastramento/regularização dos veículos junto aos órgãos de trânsito, tais como emplacamento, transferência, emissão de certificado, modificação ou remarcação de chassi, obtenção de código específico de marca/modelo/versão, vistorias, dentre outros procedimentos necessários para fins de adequação do veículo.

O teor completo do edital, inclusive a identificação de cada lote e respectivas fotos, bem como o preço de arrematação inicial, poderão ser obtidos no sítio da Receita Federal na internet, no endereço, www.receita.fazenda.gov.br, na opção Leilão existente na página inicial (uma das opções disponíveis sob a aba Informações).