Iveco recebe encomenda de 500 caminhões Stralis NP movidos a gás natural

por Blog do Caminhoneiro

A Iveco acaba de receber uma encomenda de 500 caminhões Stralis NP na Europa, da empresa Jost Group. Os caminhões são movido a gás natural liquefeito, atualmente a melhor alternativa ao diesel para uso em larga escala. A entrega irá até o final de 2020.

Os primeiros 150 caminhões serão entregues ao longo de 2018, e oferecem uma excelente relação de potência, torque e emissão de ruídos.

O Jost Group quer ter em sua frota cerca de 35% de caminhões operando com gás natural liquefeito, fazendo inclusive, investimentos em pontos de abastecimento para os caminhões na Bélgica.

Com os novos caminhões, a empresa irá substituir os caminhões Euro 4 e Euro 5, com mais de 4 anos de uso. Atualmente a empresa tem mais de 4.500 veículos em sua frota.

 

 

 

 

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

8 comentários

Joao Carlos Tumelero 03/11/2017 - 08:34

A reportagem não diz onde esses caminhoes são fabricados. E também nao serão usados aqui no Brasil. Cade o caminhao brasileiro movido a biodiesel a R$ 1,50 o litro? O que é que falta para a produçao?

Reply
Lizandro Alves 02/11/2017 - 23:02

Quero vê achar achar mecânico capacitado pra isso motor á diesel tem mecânico pra todo lado até os mecânico se adaptar com esses motores vai ser só dor de cabeça

Reply
Thiago S Andrade 02/11/2017 - 22:03

Tudo isso por causa desse valor absurdo do diesel,daqui pouco tempo se todas fabricas optarem em montar caminhão só movido a GNV esse governo de bosta corrupto aquii do nosso país dão um jeito de cobrar imposto altíssimo tbm em cima…

Reply
Francisco Gonçalves 02/11/2017 - 20:55

Tópppp

Reply
Joaohericles Andradesantana 02/11/2017 - 20:46

eu prefiro o iveco hi-hay é muito bonito

Reply
Joaohericles Andradesantana 02/11/2017 - 20:44

eita 500 cavalos

Reply
Magal Marques Silva 02/11/2017 - 20:10

500 clientes decepcionado

Reply
Denio Roberto Lubawski 02/11/2017 - 19:48

Daniel Lubawski

Reply

Escreva um comentário