Conheça a caminhoneira Jéssica que viaja o Brasil há mais de 8 anos

por Blog do Caminhoneiro

A Caminhoneira Jéssica Valoski Ramos, conhecida na estrada como Valoskinha, de São José dos Pinhais-PR, tem apenas 28 anos de idade, e já dedicou boa parte de sua vida à estrada. Ela é caminhoneira há oito anos, e atualmente trabalha com um Iveco Cursor 330, fabricado em 2011, transportando latinas vazias em uma carreta baú. Além de dirigir, ela compartilha os momentos da estrada com as redes sociais, inclusive fazendo vídeos de sua rotina para o Youtube.

Jéssica começou a viajar com o ex-marido Maurício, quando tinha 17 anos, e diz ter pegado gosto pela estrada já naquela época. Hoje dirige por amor à profissão, e por conhecer lugares, pessoas e culturas diferentes. Jéssica também afirma que está muito satisfeita em ser caminhoneira.

Com 20 anos de idade, ela começou a trabalhar na Braspress, uma grande empresa de transportes que dá oportunidade e treinamento para novos motoristas, e começou trabalhando como motorista em rotas urbanas. Jéssica trabalhou por dois anos na Braspress, até que tirou a carteira E, e começou a trabalhar na mesma empresa que o ex-marido, a Jotalle Transportes. Nessa transportadora, Jéssica atuou no transporte de peças para montadoras.

Com toda a correria do dia-a-dia, imposta pelo ritmo de trabalho, Jéssica conta que muitas vezes nem se alimenta direito, e comenta sobre a falta de estrutura em locais de parada, como banheiros, áreas para descanso e espera.

“Não temos estrutura em postos. Os banheiros geralmente são precários”, afirma.

Além disso, outra coisa que incomoda na estrada é o preconceito, inclusive de outros motoristas profissionais. “Preconceito existe e muito. Muitos falam que eu deveria estrar em casa, esquecendo que temos a mesma capacidade que eles”, completa.

Trabalhando no transporte de latinhas, muitas vezes Jéssica viaja sozinha, e como faz rotas principalmente no Norte e  Nordeste brasileiro, normalmente chega a ficar de 30 a 60 dias longe de casa. Jéssica é mãe de um menino que tem hoje 3 anos, o Pedro. Duas vezes por ano ele viaja junto no caminhão, e chega a ficar até 60 dias na estrada junto com a mãe.

Com tanto tempo longe de casa, a jovem caminhoneira sente muita saudade de casa. Além do filho, Jéssica diz sentir falta da mãe, avó e irmãos. “A saudade da família é dolorida demais. Prezo muito, eles são minha essência”.

Outro problema enfrentado por Jéssica, assim como muitos caminhoneiros, é a falta de segurança na estrada. Jéssica diz que cada dia está mais perigoso viajar, com muita imprudência no trânsito e muita falta de respeito, além do risco de assaltos. Ela já sofreu uma tentativa de assalto no Arco Metropolitano do Rio de Janeiro. “É muito constrangedor você se sentir um nada na frente de uma arma. Foi um susto muito grande”, completa.

Hoje, a caminhoneira é proprietária de dois caminhões. Além do Iveco que trabalha, tem também um Volvo VM 330, comprados de um primo. Os caminhões ainda estão sendo pagos, e o sonho de Jéssica é abrir a própria transportadora, que já tem até nome, IJR Logística.

Atuando como caminhoneira autônoma agregada na OTD Brasil, diz que ter o próprio caminhão é o sonho da maioria dos caminhoneiros, mas que muitas vezes é melhor ser empregado, pois basta cumprir sua jornada de trabalho corretamente e o salário estará na conta, diferente de ser autônomo, que além de trabalhar como motorista, ainda tem que planejar e cuidar das manutenções previstas e imprevistas do caminhão.

“Sendo empregado, não precisa esquentar com aquele pneu estourado, ou com o motor que estragou ou com a troca de óleo, e diversas coisas mais”, completa.

Ser autônomo é mais difícil, pois além da necessidade de planejamento do caminhão, ainda há a necessidade de arcar com todos os custos, inclusive pedágios e diesel, que ficam cada vez mais caros com o passar do tempo. Além disso, de acordo com a jovem motorista, as grandes empresas de transporte limitam o crescimento do autônomo, repassando seus fretes à atravessadores, fazendo os ganhos dos motoristas diminuírem.

Para as mulheres que tem o sonho de serem caminhoneiras, Jéssica deixa um recado:

“Nunca desistam e não deixem que ninguém roube esse sonho de vocês. Não é fácil, mas tudo é possível”, finaliza.

Com tanto tempo de estrada, a caminhoneiro Jéssica decidiu criar páginas nas principais redes sociais, onde conta diariamente sua histórias da estrada, as novas amizades, e os desafio que enfrenta sempre. Você pode conferir o canal do Youtube, Facebook e o Instagram dela pelos links abaixo:

41 comentários

Licevaldo Marques Ferreira 24/01/2019 - 22:46

Sou instrutor de motoristas, Perito examinador de transito, já formei muitos profissionais, qualifiquei outros, e posso garantir sem medo de errar, que as mulheres absorvem e praticam muito mais os ensinamentos do que os homens.
Os homens são resistentes às mudanças, não querem se qualificar, nem se aperfeiçoar na função.
Cuidado! As mulheres não estão chegando, já chegaram nesse mercado, e marmanjo que acha que sabe tudo…. vai ficar pra trás, eu recomendo às empresas que dou consultoria que contratem cada vez mais mulheres para conduzir seus veículos….
Basta fazer um comparativo, entre os dois tipos de condutores homem X mulher, e será constatado a economia em todos os quesitos, combustível, freios, pneus, depreciação geral por conta do estado veículo etc.
Sem contar que cuidam da saúde, fazendo visitas periódicas ao medico, não fazem uso de anfetaminas, e outros….

Vejamos quantas mudanças ocorreram no mercado de trabalho nos últimos dez anos, não podemos mais continuar com a mentalidade de que motorista e motorista e pronto!
O mercado busca os melhores, os mais preparados, hoje o motorista esta na era da internet, não mais no telegrama…..Não podemos mais, manter os mesmos comportamentos de anos atras……

Parabéns mulheres, vão em frente o mercado e de gente competente e antenada com as inovações, não há lugar para pessoas com mentalidade repolho…..

Reply
WALTÃO 15/12/2018 - 21:19

Grande coisa!!! Mais uma querendo se exibir

Reply
Cleiton dutra 22/12/2018 - 16:38

Certamente…fazendo muita pose e esqueceu do cinto d segurança alem d estar usando aparelho eletrônico enquanto dirige, na braspress isso seria rua na hora, mas ai no caso o iveco é dela ( Banco) ne…bonita sem duvida mas trocou o amor e p convívio direto com o filho d apenas 3 aninhos pela estrada? Q mãe faz isso???

Reply
Licevaldo Marques Ferreira 24/01/2019 - 22:49

Se fosse um homem garanto que ninguém estaria cobrando o cinto, kkkk

Reply
Jose Carlos Oberherr 22/09/2018 - 13:12

Aí eu dou valor um abraço e tudo de bom vai com Deus

Reply
douglas 12/03/2018 - 16:28

assim como ela consseguiu vaga sem experiencia eu tambem busco a minha para carreta alguem pode ajudar

Reply
Paulo Proença 02/02/2018 - 14:32

Parabéns Jéssica, você é exemplo pra todos nós, que muitas vezes só sonhamos em ter essa ou aquela profissão e ficamos ‘só sonhando’. Mulher guerreira e destemida, vá em frente e não perca tempo com os parasitas da inveja que querem te ofender. Deus te cuide, exemplo de Brasileira, e belíssima!

Reply
Jose Camargo Camargo 01/02/2018 - 11:10

Eu gostaria de ser o Caminhão nessa mão. rsrsrsrs

Reply
Fernando Pires 01/02/2018 - 10:59

Conheça meu pai que viajou por 35 anos ..e agora vive numa cama .paraplégico. ….isso sim é uma.historia enterasante ..

Reply
Izaias Ribeiro Lima 01/02/2018 - 07:43

Tem tantas e só uma destaca ta por fóra ?

Reply
Elita Germano 01/02/2018 - 07:13

Show! !!!
Aêh , bunitu!
Dou valor e acho massa!
#Énóis

Reply
Dilson Heberle 01/02/2018 - 02:58

De caroneira como ela tá até eu quero.
E tem muitas na beira da estrada tbém querendo kkkkkkk

Reply
Luciane Freire 01/02/2018 - 01:50

Ela é tão profissional que esqueceu o cinto de segurança , me poupe…
Bonita sim, mas ta querendo ser famosinha!

Reply
Luciane 31/01/2018 - 22:46

Pra q passar tanto a mão no cabelo? ?
Kd o cinto de segurança?

Reply
Aristeu dos Santos 07/04/2019 - 08:23

Mulher, quando ajeita os cabelos, ta querendo… sabe, ne!!!

Reply
Solange Fenix 31/01/2018 - 23:46

Arrasou amiga , amo ver seu brilho natural, parabéns, Jéssica Valoski

Reply
Hélio Crozetta 31/01/2018 - 23:30

Parabéns. …adimiro mto. As mulheres caminhoneiras..

Reply
André Ricardo Moreira Ricardo 31/01/2018 - 21:50

Guerreira

Reply
Julio Klein 31/01/2018 - 21:24

Tu tens certa semelhança com a Sheila Bellaver São lindas e profissionais parabéns!!

Reply
Aetis Salarini Viana 31/01/2018 - 20:13

Meus parabens e que DEUS te abençoe em todas as suas viagens

Reply
Fabio Souza 31/01/2018 - 19:41

Tem muito colega que precisava de destaque nas redes sociais caminhoneiros que estão passando dificuldades com com fretes baixos mulher com. Rabo de fora e no xvideos

Reply
Adelso Martins 31/01/2018 - 17:50

Kkkkkkkkkkkkcada uma

Reply
Gevelsom Cesa Dassoler 31/01/2018 - 17:41

Manda ela vim puxar umas cargas aqui de Sinop a miritituba aí vou saber se ela é realmente tudo isso que tão falando.

Reply
Jéssica Valoski 31/01/2018 - 19:18

Ow meu amigo… Ja puxei plumas de algodão ai…

Reply
Gevelsom Cesa Dassoler 31/01/2018 - 20:04

Que bao eu também puxo plumas de mato grosso pro nordeste

Reply
Luis Wanderlan Del Secchi 31/01/2018 - 16:59

manda ela estradas do Maranhão e Amazônia se estourar um pneu deixe ela trocar sozinha daí digo grande profissional

Reply
Claudinei Barbosa 31/01/2018 - 15:50

Falou tudo amigo

Reply
Elma Luz 31/01/2018 - 14:37

Só pq ela é bonita!? Não… pq ela é batalhadora gente boa,pq ela é uma pessoa incrivel,pq ela ama o que faz… por inúmeras coisas!

Reply
Elma Luz 31/01/2018 - 14:33

Que orgulho de você minha querida! Afinal são mais de 20 anos de amizade e posso dizer que conheço a sua essência… Parabéns Jéssica Valoski você merece tudo de maravilhoso ☝

Reply
Jéssica Valoski 31/01/2018 - 14:40

Obrigada pelo carinho de sempre nega..

Reply
Marcelo Silva 31/01/2018 - 23:56

Que mulher incrível em

Reply
Cristiano Alves 31/01/2018 - 14:18

Prefiro a Sheila Bellaver

Reply
Elma Luz 31/01/2018 - 14:35

Ainda Bem que não é uma competição… segue quem você prefere e tudo certo

Reply
Cristiano Alves 31/01/2018 - 14:36

✌✌✌

Reply
Maira Mosquetto 31/01/2018 - 14:49

Prefiro tbm….aquela ergue a bandeira com honra…

Reply
Alex Leitão 31/01/2018 - 15:10

Vai dormi cristino

Reply
Cristiano Alves 31/01/2018 - 15:11

Vou agora!!!

Reply
Alex Leitão 31/01/2018 - 15:19

Parabéns a todas as guerreiras independente de ser Carla ou raquel ou maria estão todas de parabéns por essa profisao q mesmo sem nenhum reconhecimento fazemos com todo carinho.

Reply
Licevaldo Marques Ferreira 24/01/2019 - 22:53

Isso ai falou tudo!!!

Reply
Cristiano Alves 31/01/2018 - 15:21

Aí sim acho massa e dou valor

Reply
Eliseusilverio 13/04/2019 - 09:01

Bom.diaa! Parabéns. A vcs mulheres todos tem o mesmos direito.tiro o chapéu pra vcs .que Deus ilumine a cada dia . Proteção divina sempre estamos juntos no tapete perto .e a cada dia busca qualificação. Abraço

Reply

Deixe um comentário!