VÍDEO: Conheça Isabela, o Scania R 500 que foi testado no Brasil

por Blog do Caminhoneiro

O estado do Mato Grosso é um dos maiores produtores de grãos do mundo. Todo ano saem pelas rodovias do estado milhões de toneladas de soja, milho e outros produtos agrícolas. E não há lugar mais duro para um caminhão. É por isso que o estado foi escolhido pela Scania para ser palco de diversos testes com caminhões da nova geração, antes mesmo do lançamento na Europa, em 2016.

A empresa parceira da Scania nessa empreitada de testes foi o Grupo Botuverá, que tem mais de 180 caminhões atualmente, a grande maioria sendo Scania. A empresa pertence à família Bissoni, que também é dona de terras no Mato Grosso, e produz muito daquilo que o Grupo Botuverá transporta em seus caminhões.

Fernando Bachi, motorista com mais de dez anos de experiência ao volante foi o escolhido para pilotar a máquina camuflada da Scania, apelidada carinhosamente de Isabela. O motorista conta que a preferência é sempre por estradas asfaltadas, mas que trabalhar no Mato Grosso não dá escolha. É preciso enfrentar longas horas em estradas sem pavimentação, poeirentas e esburacadas. “Essas estradas duras e lamacentas são sempre muito difíceis por causa do clima. Você precisa gostar de dirigir nessas condições, e até achar divertido”, brinca Fernando.

O caminhão rodou por três meses em rotas regulares do Grupo Botuverá, transportando grãos, fertilizantes e outros insumos. O R 500 6×4 estava engatado em um rodotrem de nove eixos. Mas apesar do trabalho duro e da sujeira externa do caminhão, Fernando cuidou muito bem da parte interna da cabine.

“Esse caminhão é como minha segunda casa. Eu cuido da Isabela como se ela fosse minha. Toda vez que eu descarrego o caminhão, eu limpo tudo. Na cabine eu só entro de meias, os calçados ficam para fora”, completa Fernando. “Deixar a Isabela e voltar para um caminhão mais velho parece uma grande perda, quase como um divórcio”, brinca o motorista.

O caminhão foi monitorado continuamente pela Scania, com uma série de sensores extras, e após os testes voltou à fábrica, em São Bernardo do Campo-SP, onde foi completamente avaliado pela engenharia da montadora.

Além de trabalhar em parceria com a Scania, o Grupo Botuverá aproveitou a oportunidade para conhecer o modelo bem de perto, e agora que as vendas da nova geração já começaram, já foram compradas 20 unidades.

Adriano Bissoni, Gerente Comercial e Logístico de Botuverá, comenta sobre os testes com a nova linha Scania. “Ao participar dos testes de veículos da Scania, conhecemos um novo produto e sugerimos melhorias. Isso fortalece os laços mútuos e quanto mais atenção dermos aos testes, mais contribuiremos para a Scania e melhor será o produto que poderemos comprar no futuro ”, afirma Bissoni. “Confiamos na marca, já que os caminhões são operacionalmente muito econômicos”. finaliza o gerente.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

1 comentário

Manoelito p santos 30/11/2018 - 16:25

Eu sou um camioneiro aposentado quando vejo uma reportagem dessa fico com muita saudade e com caminhões com tanta tecnologia da vontade de voltar a ativa novamente.

Reply

Escreva um comentário