Caminhões produzidos no Brasil terão que ter dispositivo anti-intrusão dianteira

O Contran publicou no final de dezembro a resolução 755, que estabelece requisitos para fabricação e instalação de barras de segurança dianteira em caminhões, conhecidas como barras de proteção anti-intrusão.

Essas barras, já presentes em alguns caminhões, como os DAF, da imagem acima, evitam que um veículo menor entre embaixo da cabine em caso de acidente. A fixação da barra é feita por pontos no chassi do caminhão, e tem grande resistência contra impactos frontais.

Todo projeto novo de caminhão terá que ter o dispositivo a partir de 2028. Já os caminhões que já estejam em produção antes dessa data deverão ser adaptados até 2030.

Veículos militares, de salvamento, fora-de-estrada ou projetos que por algum motivo não possam receber essa barra sob a cabine serão dispensados da instalação do equipamento.

A obrigação da instalação é para todos os caminhões, e a barra deverá ser instalada em altura não inferior a 100 mm para caminhões até 12 toneladas de peso bruto total. Acima disso, a instalação da barra deve ser feita a, no mínimo, 120 mm do chão. A altura também não pode ser maior que 400 mm.

Os caminhões que receberão esse tipo de equipamento serão obrigados a passarem por testes, para aferição da resistência da barra e da proteção para ocupantes do veículo.

Apesar do prazo longo, essas novas resoluções do Contran são um avanço na segurança para os usuários de rodovias.

3 comentários

Eneias 06/01/2022 - 07:16

Tudo modo de ganhar dinheiro esses cara que inventa essas coisa pois agora vai acontecer o famoso sanfona dos carro em vez de entrar em baixo dos caminhões vão ser esmagados igual latinha de refrigerante quando pisamos nela

Reply
Miguel Batista 06/01/2022 - 03:59

O dinheiro do DPVAT ICMS deveria ser revertido pra segurança ou duplicação de estrada e rodovia vou citar dois Br 393 que está sobre concessão br116 Dutra km180 até o 178 aquele pedacinho e o inferno de nove Guaçu 📍📣🇧🇷 pô a curvas mais letais no Brasil🇧🇷

Reply
Daniel Soccol 16/01/2019 - 19:25

Os Volvo já saem de fábrica com esse dispositivo desde 2003.

Reply

Deixe um comentário!

O Royal Eagle é um Scania 143 como você nunca viu T112MC – Scania desenvolveu modelo exclusivo para a Nova Zelândia Você lembra do seriado “As Aventuras de BJ” nos anos 1980? Caminhões chineses são equipados com cabine de modelo da década de 1970 Conheça o transporte Piggyback, muito usado nos Estados Unidos