PRF na Paraíba recupera caminhão roubado e prende homem suspeito de praticar vários crimes país

por Blog do Caminhoneiro

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) recuperou no Sertão da Paraíba, no final da tarde de quinta-feira (12), um caminhão que havia sido roubado no Estado da Bahia. O condutor foi preso em flagrante e possui uma extensa ficha criminal.

A abordagem ocorreu no município de Patos, na BR 230, km 340. O caminhão estava circulando com a placa de outro veículo sem registro de roubo. Ao verificar a documentação do caminhão constatou-se que a placa verdadeira pertencia a um veículo roubado em Feira de Santana/BA em agosto deste ano.

O motorista do caminhão, um homem de 32 anos, responde a diversos crimes no país e é suspeito de realizar assaltos a carga no nordeste, respondendo a dez inquéritos apenas na Bahia. O homem já foi preso pela PRF no Mato Grosso do Sul por receptação de veículo roubado e adulteração veicular.

Desta vez, foi detido e encaminhado à Polícia Civil de Patos e deverá responder novamente por receptação de veículo roubado e adulteração veicular.

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

2 comentários

Rubens Tavares 15/09/2019 - 11:29

POIS É EZEQUIEL, NÃO EXISTE JUIZ AVESTRUZ, NA VERDADE AS LEIS SÃO FRACAS E NO CRIME ORGANIZADO TAMBÉM EXISTEM ESSES TAIS. A SOLUÇÃO É SOMENTE E ÚNICA REVOLUÇÃO ARMADA PELA ÉTICA NA POLÍTICA. ASSIM, SIM, SERÃO ELIMINADOS AS ESCÓRIAS BRASILEIRA.

Reply
Ezequiel Neto 14/09/2019 - 09:45

A Justiça Penal brasileira cada vez mais se desmoraliza e perde o respeito e a credibilidade da população. Como explicar um marginal desse, com extensa ficha criminal, continuar solto para seguir na vida do crime impunemente. O bandido é assaltante ladrão de cargas e de veículos. Já havia sido preso pela PRF por receptação de veículo roubado e adulteração veicular. Algum “Juiz Avestruz” o mandou soltar. Juiz Avestruz é o que enfia a cara no buraco para não ver o que se passa à sua volta e a população indefesa que se lasque. Vergonha…

Reply

Escreva um comentário