Venda de implementos cai mais de 20% nesse ano

por Blog do Caminhoneiro

Os efeitos do coronavírus pelo mundo tem afetado indústria e serviços numa velocidade sem precedentes. A Associação Nacional dos Fabricantes de Implementos Rodoviários (ANFIR), destacou a queda nos emplacamentos de implementos nesse ano.

Entre janeiro e maio de 2020, a venda de implementos do segmento de Reboques e Semirreboques foi 21,46% menor que no mesmo período de 2019, e no de Carroceria sobre chassis, 18,54%. A expectativa para esse ano era de alta nas vendas.

“A situação de retração da atividade econômica causada pela pandemia não deve ser revertida este ano porque a reativação da economia não será no mesmo ritmo de sua queda”, explica Norberto Fabris, presidente da ANFIR.

Apesar da queda, a associação espera que a desaceleração dos negócios no setor seja minimizada pelo desempenho positivo do setor de agronegócios.

“O setor é bastante representativo no faturamento da indústria de implementos rodoviários sendo responsável por aproximadamente um terço de nossas vendas”, disse Fabris.

Os dados da ANFIR mostram que entre janeiro e maio desse ano foram emplacados 20.105 implementos pesados (reboques e semirreboques), ante 25.597 no mesmo período de 2019.

A venda de implementos leves (carrocerias sobre chassis) registraram 17.227 unidades no acumulado desse ano, 18,54% menos que as 21.148 unidades dos primeiros cinco meses do ano passado.

As exportações também foram afetadas. Nos cinco primeiros meses desse ano, 531 implementos foram exportados, ante 1.028 no mesmo período de 2019. retração de 48,35%.

Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário