Bolsonaro libera trecho da BR-135 no Maranhão

por Blog do Caminhoneiro

A BR-135 é a única ligação para entrada e saída de São Luís, no Maranhão, e agora está passando por obras de recuperação e duplicação, para melhorar as condições do transporte de produtos na região, além de reduzir o tempo de viagem e garantir mais segurança no trânsito.

Ontem, quinta-feira, 29, o Presidente Jair Bolsonaro e o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, visitaram as obras e liberaram um trecho de 3,7 quilômetros de pista já recuperada entre as cidades de São Luís e Bacabeira.

“Vamos trabalhar em uma série de rodovias que são importantes para o desenvolvimento do estado. Vamos fazer a duplicação da BR-135 até Miranda, vamos fazer a restauração da 135, inclusive recuperar os trechos que ficaram mal feitos no passado, que a gente sabe que a população sofre”, disse o ministro Tarcísio Gomes.

O ministro também citou estudos para federalização da rodovia estadual MA-006, que vai até Balsas-MA, e destacou que a região vai ganhar muito com a pavimentação da BR-235, outra importante ligação na região.

“Já temos o projeto de engenharia para a pavimentação da BR-235. Se pavimentarmos a 235 no Maranhão, vamos ter uma porta de acesso muito rápida até a Ferrovia Norte-Sul. E temos que investir nessa região de Matopiba que é a região que mais vai crescer no Brasil. É a fronteira agrícola que temos”, disse Tarcísio Gomes.

O nome Matopiba reúne as iniciais dos estados Maranhão, Tocantins, Piauí e Bahia. A BR-235 liga Aracaju (SE) a Novo Progresso (PA).

Duplicação

A duplicação da BR-135 foi dividida em três lotes. O primeiro, entre Estiva até a cidade de Bacabeira, do km 25 ao km 51,3, está concluído. Agora, o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) atua nos serviços de restauração da pista existente nos quilômetros finais do lote 1, do km 25 ao km 41.

No lote 2, as equipes do DNIT estão trabalhando no trecho localizado entre as cidades de Bacabeira e Itapecuru (Outeiro), do km 51,3 ao km 95. Nos primeiros 18 quilômetros deste lote, entre Bacabeira e Santa Rita, ocorrem as obras de duplicação da pista.

Por fim, o lote 3 está localizado no trecho entre Outeiro e Miranda do Norte, do km 95 ao km 127,3.

Para dar continuidade às obras de duplicação da rodovia federal, o Dnit está concluindo a contratação dos estudos complementares das comunidades quilombolas que vivem na região.

Recuperação

A recuperação da BR-135 no lote 1 está sendo realizado pelo Exército Brasileiro. Os serviços estão sendo feitos por meio de um Termo de Execução Descentralizada com os militares. O investimento é de R$ 42 milhões. A previsão é que 11 quilômetros de restauração da rodovia sejam concluídos até o final do ano.

Também neste ano, foram realizados serviços de recuperação emergencial entre Matões do Norte e São Mateus, do km 150,4 ao km 166,4 para promover uma recomposição da estrutura do pavimento neste trecho.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

1 comentário

Jhony torres 30/10/2020 - 17:40

Parece até brincadeira, quem transita por essa rodovia desde o início de 2020 sabe a porcaria que estava. Eram crateras enormes que danificou muitos veículos, tanto de pequeno quanto de grande porte. E na reta final para uma eleição Estadual e Federal, vem os políticos fazerem 3.5km de asfalto para saírem de bons moços!. Lamentável que o cidadão brasileiro tenha que passar por essa vergonha a cada 4 anos, que são os momentos que vemos máquinas Trabalhando por um período curto e por sua vez não entregam as obras com qualidade.. falta de respeito aos trabalhadores..

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!