Mais de 10 milhões de veículos já usam a placa Mercosul

por Blog do Caminhoneiro

Desde fevereiro deste ano, todos os estados e o Distrito Federal já estão emplacando os veículos novos e que mudam de cidade com as novas Placas de Identificação Veicular (PIV). Com isso, 10.916.687 veículos já estão usando as placas Mercosul.

Essas placas podem ser validadas em todos os países do Mercosul, por meio do aplicativo VIO, e trazem mais segurança, permitindo a rastreabilidade da origem da placa, o que facilita no combate às clonagens e falsificação.

A obrigatoriedade veio a partir da Resolução nº 780/2019 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que determina as normas a serem seguidas no novo sistema. A troca da placa é indispensável nos casos de mudança de estado ou munícipio, bem como nos casos de primeiro emplacamento, alteração de categoria do veículo, furto, roubo, extravio ou dano na placa.

Ou ainda, tendo a possibilidade de troca, em casos de o veículo ser reprovado na vistoria nos procedimentos de transferência com observações sobre placa e/ou lacre. Caso nenhuma dessas situações aconteça, o condutor pode permanecer com a placa cinza até o fim da vida útil do carro.

Vantagem da nova placa

Ao contrário das placas antigas, uma vez colocada, a placa Mercosul não precisa ser trocada em caso de mudança de cidade ou estado. Também é possível consultar a autenticidade das placas com um aplicativo, escaneando um QRCode que está impresso.

As novas placas também permitem um total de 450 milhões de combinações, permitindo seu uso por até 100 anos, considerando o aumento médio da frota de veículos no Brasil.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Escreva um comentário