Número de mulheres caminhoneiras aumenta na Noruega

por Blog do Caminhoneiro

A Noruega está vendo um movimento de crescimento do número de mulheres caminhoneiras no país, enquanto o número de caminhoneiros homens vem diminuindo todos os anos. Parte dessa mudança de padrão vem acontecendo porque as mulheres tem gostado da vida na estrada.

De acordo com um levantamento de dados realizado pela Transport Magasinet, uma das maiores revistas de transporte daquele país, o número de mulheres habilitadas nas categoria C e CE, que permite a direção de caminhões e carretas, cresceu 30% nos últimos ano.

Na categoria C, o número de habilitação para mulheres cresceu 18,34% entre 2016 e 2019. Enquanto isso, o número de habilitações na mesma categoria para homens reduziu quase 4%.

Na categoria CE, o aumento foi de 16,2% no período, para as mulheres, enquanto para homens caiu 7%. Apesar da alta nas habilitações profissionais para mulheres, o número total de mulheres caminhoneiras na Noruega ainda é muito inferior ao número de homens.

Tendência de queda

O número de motoristas interessados em obter a carteira de motorista profissional, apta para dirigir caminhões, ônibus e carretas, vem caindo em todo o mundo.

No Brasil, de acordo com dados levantados pelo Setcesp (Sindicato das Empresas de Transportes de Carga e São Paulo e Região), o número de motoristas habilitados na categoria C caiu quase 6% entre 2015 e 2019.

Grande parte dessa redução se deve às dificuldades impostas pela vida na estrada, com longos períodos longe de casa, baixos salários e falta de infraestrutura.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

Deixe sua opinião sobre o assunto!