Caminhão super-eficiente da Shell irá atravessar os Estados Unidos a partir de janeiro

por Blog do Caminhoneiro

A Shell Rotella, divisão de lubrificantes da empresa nos Estados Unidos, anunciou nesta semana que o Shell Starship 2.0 estará na estrada a partir de janeiro, para uma viagem costa a costa pelos Estados Unidos.

Apesar dos poucos detalhes divulgados pela segunda geração do Starship, apresentado inicialmente em 2018, a Shell disse que o teste servirá para apresentar e testar novas tecnologias inovadoras para o segmento.

De acordo com a Shell, o caminhão é até 2,5 vezes mais eficiente que qualquer outro modelo em produção, com média de consumo de 3,78 km/l (8,94 milhas por galão), no teste realizado em 2018. A média dos Estados Unidos fica em 2,7 km/l (6,4 milhas por galão).

O caminhão tem a cabine construída 100% em fibra de carbono, sendo mais leve e mais aerodinâmica. A grade do radiador é inteligente, e pode se fechar ou abrir automaticamente, para que mais ou menos ar passe pelo radiador, dependendo da temperatura e da velocidade do caminhão.

A traseira e laterais da carreta também tem difusores para reduzir o arrasto aerodinâmico.

O caminhão funciona de forma híbrida, com o motor diesel funcionando como um gerador elétrico, com motores elétricos acoplados aos eixos. Isso permite que o caminhão tenha mais torque em aclives, e o consumo de combustível não é afetado. Esse sistema também conta com freios regenerativos, que recarregam baterias durante frenagens longas.

O teto também recebe um painel solar de 5kW, que carrega a bateria do caminhão, sem necessidade de um alternador. O sistema elétrico também é usado para movimentar o ar-condicionado, evitando que potência do motor diesel seja desperdiçada.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

COMENTAR

QUER ENTRAR EM CONTATO COM O BLOG DO CAMINHONEIRO? ENVIE UMA MENSAGEM CLICANDO NO NÚMERO ABAIXO

042-3532-4235

Artigos relacionados

1 comentário

Vinícius 23/11/2020 - 12:58

Esse aí eu aprovei. Ao invés de usar diferenciais, possui motores elétricos alimentados pela força do motor diesel, tendo este a função de gerador de força. Excelente.

Reply

Deixe sua opinião sobre o assunto!