Alta de 2,4% – ANTT publica nova tabela com preços de frete

A ANTT publicou hoje no Diário Oficial da União os novos valores para a Política Nacional de Pisos Mínimos do Transporte Rodoviário de Cargas (PNPM-TRC), conhecida como tabela de fretes.

Os novos valores apresentam alta média de 2,34% para carga de alto desempenho e 2,51% para cargas lotação. Os novos valores podem ser consultados abaixo, junto com o cálculo para saber o valor correto do frete à receber.

Para o reajuste dos valores, a ANTT levou em consideração o IPCA, índice oficial da inflação no país, e também os valores do diesel. Para 2021, o IPCA passará de 3,34% para 3,43%.

Os valores da tabela de fretes devem ser atualizados pela ANTT sempre antes de 20 de janeiro e 20 de julho de cada ano, ou também se o valor do diesel oscilar mais de 10% em um único mês.

Como calcular os valores de fretes

De acordo com a resolução 5.867/2020, o cálculo dos valores dos fretes deve ser feito da seguinte forma:

1º – Saber o tipo de carga a ser transportada
2º – Saber o tipo de veículo, por eixos
3º – Identificar os coeficientes de custo de deslocamento (CCD) e de carga e descarga (CC)
4º – Saber a quilometragem do percurso
5º – Realizar o cálculo
PISO MINIMO DO FRETE (R$/viagem) = (DISTANCIA x CCD) + CC

Além desse valor, o caminhoneiro deve receber os valores do pedágio, o lucro e tributos referentes à operação de transporte.

Novos valores

Os novos valores já estão valendo, e podem ser conferidos na imagem abaixo:

 

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!

Conheça a nova série especial da Scania O Royal Eagle é um Scania 143 como você nunca viu T112MC – Scania desenvolveu modelo exclusivo para a Nova Zelândia Você lembra do seriado “As Aventuras de BJ” nos anos 1980? Caminhões chineses são equipados com cabine de modelo da década de 1970