A Volkswagen já exportou duas vezes mais caminhões e ônibus que no mesmo período do ano passado

por Blog do Caminhoneiro

A Volkswagen Caminhões e Ônibus está comemorando os excelente números das vendas de caminhões e ônibus para outros países neste ano. Nos quatro primeiros meses do ano, foram exportados 2.527 caminhões e ônibus, ante 1.084 unidades no mesmo período do ano passado.

A montadora ressalta que, embora os meses de março e abril de 2020 foram o momento da eclosão da pandemia, com redução significativa na produção e venda de veículos, existem destaques relevantes nos mercados em que a fabricante atua.

“Cada mercado experimenta razões diferentes para a alta na demanda, mas modo geral podemos observar uma tendência de recuperação e retomada após um período tão difícil como o início de 2020”, comenta Roberto Cortes, presidente e CEO da VW Caminhões e Ônibus.

O maior destaque é o Chile. O país já recebeu 720 unidades neste ano, principalmente para operação nas minas de cobre e no transporte de commodities. O modelo mais vendido é o Constellation 17.280.

No Uruguai a VWCO atingiu o marco histórico de 100 caminhões vendidos num mesmo mês e consolidou a liderança de mercado, com o VW Constellation 24.250 como o caminhão mais vendido no país.

Nos demais países da América Latina a distribuição de alimentos e bebidas impulsionou as vendas da família Delivery, especialmente do 11.180, veículo mais exportado no período. Falando especificamente sobre a América Central, os recentes lançamentos dos modelos em países como Guatemala ampliam essa conta.

Na África o destaque são os ônibus. A montadora participa do programa de modernização do transporte público de Angola e mantém as entregas de Volksbus 17.210 que já entram no combate contra a pandemia de Covid-19.

Todas as unidades são equipadas com barreiras de proteção para motorista e cobrador Marcopolo BioSafe, que reduz a possibilidade de contágio ao diminuir a exposição dos profissionais a possíveis gotículas expelidas durante a fala, tosse ou espirro.

Rafael Brusque – Blog do Caminhoneiro

Deixe um comentário!